fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Juan Monaco, Gilles Simon, Carlos Berlocq, Copa Davis, Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Juan Monaco, Gilles Simon, Carlos Berlocq, Copa Davis, Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Juan Monaco, Gilles Simon, Carlos Berlocq, Copa Davis, tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/monaco/0405_davis_back_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/monaco/0405_davis_back_int.jpg" />
Notícias | Copa Davis
Monaco derrota Simon em 3 sets e deixa tudo igual
05/04/2013 às 17h57
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/monaco/0405_davis_back_int.jpg" title="Monaco só venceu jogos neste ano em duelos pela Davis" />

Monaco só venceu jogos neste ano em duelos pela Davis

Foto: Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Buenos Aires (Argentina) - Depois da derrota sofrida pelo compatriota Carlos Berlocq no primeiro jogo da série, o argentino Juan Monaco entrou na quadra de saibro do Parque Roca precisando da vitória para não deixar os franceses descolarem no placar. E foi isso que ele fez, derrotando em sets diretos Gilles Simon, substituto de Richard Gasquet, com parciais de 7/6 (7-2), 6/2 e 6/4, em duas horas e meia de partida.

Apesar de não viver uma fase muito boa neste começo de temporada, Monaco tem demonstrado um espírito de superação quando defende as cores da Argentina na Copa Davis, tanto que as únicas três vitórias que conquistou em 2013 vieram nesta competição. Nos cinco torneios que disputou até agora neste ano, o atual 19 do mundo foi eliminado na estreia em todos, vencendo apenas dois sets nestes confrontos.

O primeiro set foi o mais duros dos três disputados. Monaco conseguiu uma quebra logo de cara e chegou a abrir 4/1 para cima do rival. Só que o atleta da casa deu uma grande vacilada e permitiu que Simon se recuperasse, vencendo quatro games na sequência. O francês sacou em 5/4 para fechar, mas não falhou e acabou levando a definição para o tiebreak, no qual o argentino levou a melhor e saiu na frente.

Com ótimo aproveitamento no saque, faturando 80% dos pontos disputados com ele, Monaco dominou as ações na segunda parcial. Foram três chances de quebra para ele, das quais duas acabaram concretizadas, e uma vitória por 6/2 no set. Sua superioridade foi tamanha que ele anotou mais do que o dobro de pontos somados por Simon (29 a 14).

Monaco levou o terceiro set no detalhe, com uma quebra solitária, e assim decretou sua vitória e empatou o placar da série diante da França. No sábado, uma das duas equipes irá inevitavelmente fechar o dia em vantagem, situação que caberá ao time que vencer o jogo de duplas. Pelo lado argentino, David Nalbandian entra em ação ao lado de Horacio Zeballos, enquanto que os franceses apostam em Julien Benneteau e Michael Llodra para o duelo.

Com dores nas costas, Simon deve ficar fora do confronto no domingo. Michael Llodra ou Julien Benneteau devem substitui-lo.

Últimas notícias
Comentários
Faberg
Roland Garros Series