fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Eugenie Bouchard, Carla Suarez Navarro, Maria Sharapova, Roland Garros, Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Eugenie Bouchard, Carla Suarez Navarro, Maria Sharapova, Roland Garros, Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Eugenie Bouchard, Carla Suarez Navarro, Maria Sharapova, Roland Garros, tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/bouchard/0603_rg_rebate_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/bouchard/0603_rg_rebate_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Bouchard brilha novamente em Slam e vai à semi
03/06/2014 às 11h49
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/bouchard/0603_rg_rebate_int.jpg" title="Bouchard repete em Paris grande campanha da Austrália" />

Bouchard repete em Paris grande campanha da Austrália

Foto: Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Paris (França) - Duas das quatro semifinalistas de Roland Garros foram definidas nesta terça-feira. A primeira delas foi a russa Maria Sharapova, que terá pela frente a jovem canadense Eugenie Bouchard, responsável pela eliminação a espanhola Carla Suarez, cabeça de chave 14, com placar final de 7/6 (7-4), 2/6 e 7/5, depois de 2h22 de confronto.

Bouchard tem brilhado nos Grand Slam nesta temporada. Ela é a única que ficou entre as últimas quatro tanto em Paris como no Australian Open. Para tentar alcançar sua primeira final em um dos quatro principais torneios do ano, a canadense de apenas 20 anos terá que superar Sharapova, algoz sua nos dois embates anteriores, o último deles na segunda rodada de Roland Garros, no ano passado.

Com sua campanha no saibro parisiense, Bouchard garante pelo menos mais três colocações no ranking, que podem ser quatro se a italiana Sara Errani cair antes da final. Caso ela própria vá para a decisão, a canadense garantirá sua estrada no top 10, podendo até alcançar o top 5 em caso de título.

A partida começou bastante favorável para a espanhola, que logo no terceiro game conseguiu a primeira quebra. Ela voltou a superar o saque de Bouchard no sétimo e teve 5/2 e saque, parecendo que iria levar o set com tranquilidade. Foi então que começou a reação da canadense, que devolveu os dois breaks de desvantagem e levou a definição para o tiebreak.

Suarez conseguiu um mini-break de cara, mas a dianteira prematura não perdurou até o fim. A jovem canadense inverteu a situação em seguida e manteve a frente até a reta final, quando a espanhola sacou em 4-5 para primeiro empatar e depois virar o placar. Só que não foi isso que aconteceu, ela perdeu os dois saques e viu Bouchard concretizar a virada no set.

Na segunda parcial, cada uma obteve uma quebra para si nos dois primeiros games. Depois de ficarem iguais em 2/2, só deu Suarez, que venceu quatro games seguidos, com direito a dois break-points convertidos para assim empatar o jogo e forçar a definição no terceiro set.

Apesar de ter levado a primeira quebra na terceira parcial, Bouchard se recuperou prontamente e superou os dois saques seguintes da espanhola, abrindo 4/1 de vantagem. A canadense ainda permitiu que Suarez deixasse tudo igual em 4/4, mas conseguiu nova quebra no 11º game e na sequência confirmou o saque para ficar com a vitória.

Últimas notícias
Comentários