fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Milos Raonic, Ernests Gulbis, Roland Garros, Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Milos Raonic, Ernests Gulbis, Roland Garros, Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Milos Raonic, Ernests Gulbis, Roland Garros, tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/djokovic/0603_rg_back_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/djokovic/0603_rg_back_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Djokovic domina saque de Raonic e confirma semi
03/06/2014 às 14h13
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/djokovic/0603_rg_back_int.jpg" title="Sérvio venceu Raonic pela terceira vez em três embates" />

Sérvio venceu Raonic pela terceira vez em três embates

Foto: Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Paris (França) - Cabeça de chave número 2, o sérvio Novak Djokovic fez valer o favoritismo contra o canadense Milos Raonic e não deu chances ao rival. Em duelo válido pelas quartas de final de Roland Garros, nesta terça-feira, o tenista de Belgrado correu poucos riscos e conseguiu concretizar sua vitória em sets diretos, marcando parciais de 7/5, 7/6 (7-5) e 6/4, após 2h22 de jogo.

Nas semifinais, Djokovic terá pela frente o letão Ernests Gulbis, que na outra partida de quartas de final passou também em sets diretos pelo tcheco Tomas Berdych. O sérvio tem boa vantagem nos duelos com Gulbis e venceu quatro dos cinco embates anteriores, sendo um deles em Roland Garros, o único no saibro, com vitória do vice-líder da ATP.

O sérvio garantiu sua 22ª participação em uma semifinal de Grand Slam, empatando por hora com o espanhol Rafael Nadal como o sexto que mais vezes chegou tão longe em um dos quatro principais torneios da temporada. O líder desta estatística é o suíço Roger Federer, que tem em seu currículo 34 semifinais de Slam.

Conhecido pelo seu potente saque, Raonic não conseguiu se impor tão bem com o fundamento e viu o sérvio ter boas respostas quando estava na devolução. O canadense confirmou 64% dos pontos de serviço e cedeu nove oportunidades de quebra para Djokovic, que conseguiu aproveitar três delas.

No primeiro set, a solitária quebra veio na reta final. Depois de desperdiçar um set-point quando Raonic sacava em 4/5, o número 2 do mundo tratou de aproveitar a nova oportunidade que teve, dois games depois, para superar o serviço do canadense e fechar a parcial em 7/5.

Os dois oponentes foram impecáveis com o saque no segundo set e não cederam um break-point sequer. Com isso, a definição foi para o tiebreak, em que novamente o potente saque de Raonic não prevaleceu e a situação começou a ficar mais complicada para ele. No começo do terceiro, o canadense viu o jogo escapar de vez: sofreu duas quebras e viu Djokovic abrir 4/0 no placar.

A enorme vantagem obtida pelo sérvio chegou a ser diminuída por Raonic, que quebrou o rival quando ele sacou pela primeira vez para fechar o jogo. Só que depois de falhar em 2/5, Djokovic tratou de evitar novos sustos e confirmou em 4/5, decretando sua terceira vitória em três embates contra o canadense.

Últimas notícias
Comentários