fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Ernests Gulbis, Novak Djokovic, Roland Garros Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Ernests Gulbis, Novak Djokovic, Roland Garros Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Ernests Gulbis, Novak Djokovic, Roland Garros tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/gulbis/0606_rg_smash_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/gulbis/0606_rg_smash_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Gulbis tira lição de primeiro grande jogo da carreira
06/06/2014 às 14h20
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/gulbis/0606_rg_smash_int.jpg" title="Gulbis fez sua primeira semi de Slam da carreira" />

Gulbis fez sua primeira semi de Slam da carreira

Foto: Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Paris (França) - Pela primeira vez em uma semifinal de Grand Slam, o letão Ernests Gulbis sucumbiu à maior experiência do sérvio Novak Djokovic neste tipo de partida e acabou derrotado em quatro sets. Apesar do resultado negativo, ele deixa Roland Garros com lições positivas de sua campanha no segundo Grand Slam da temporada.

“Não estou acostumado a jogar essas grandes partidas tive um nervosismo extra. Mesmo assim consegui vencer um set, que é algo positivo”, declarou o letão, que na próxima semana irá entrar pela primeira vez no top 10, aparecendo exatamente na 10ª colocação, sete acima da que ocupa atualmente.

“Quanto mais partidas dessa eu jogar, mas vou me acostumar. Preciso estar mais vezes nesta situação para dar um passo a mais”, observou Gulbis, que também avaliou o segredo do triunfo de Djokovic. “Ele foi mais consistente do que eu, colocou mais bolas para o outro lado, essa foi a diferença”.

Ao ser questionado sobre o calor em Paris nesta sexta-feira, o letão ironizou. “Se esse calor me afetar, como vou conseguir jogar na Austrália?”, indagou o brincalhão Gulbis. “Não foi o calor que atrapalhou. Deu para ver que Djokovic também teve problemas, mas não sei o que foi”, pontuou.

“Nenhum dos dois estava sentindo bem a bola, foi um jogo mais lento e estava complicado lá em quadra”, complementou Gulbis. Ele negou ter sentido problemas físicos nas costas durante o jogo. “Só estava cansado, não era um problema especifico”, explicou o letão de 25 anos.

Últimas notícias
Comentários