fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
BBC, IBM, tecnologia, Andy Murray, Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
BBC, IBM, tecnologia, Andy Murray, Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
BBC, IBM, tecnologia, Andy Murray, tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/tsonga/0626_wim_voleio_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/tsonga/0626_wim_voleio_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Tecnologia vai medir 'agressividade' em Wimbledon
18/06/2014 às 10h34
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/tsonga/0626_wim_voleio_int.jpg" title="Tecnologia medirá força, ângulo e profundidade da bola" />

Tecnologia medirá força, ângulo e profundidade da bola

Foto: Arquivo
fiogf49gjkf0d

Londres (Inglaterra) - Emissora oficial na transmissão de todas as partidas de Wimbledon, a BBC trará uma inovação para a edição de 2014, que começa nesta segunda-feira: pretende medir em tempo real a agressividade dos tenistas em quadra.

A ideia é mostrar aos espectadores aspectos do jogo que determinam quando um tenista está jogando de forma realmente ofensiva, ou seja, quando golpes forem superiores a 144 km/h no masculino e a 135 entre as mulheres, além de focar golpes que sejam muito próximos à linha de base ou aqueles que forcem o adversário a recuar 4 metros para se defender.

"Esta tecnologia permitirá que se visualize melhor a força dos golpes", afrima Sam Seddon, que desenvolvou o projeto para a IBM, patrocinadora oficial de Wimbledon. "Há dez anos, o jogo de tênis se praticava no formato V, ou seja, os tenistas sacavam e iam imediatamente para a rede. Mas agora a força está toda concentrada no fundo de quadra".

Ele dá como exemplo a esperança da casa e atual campeão Andy Murray. "Para buscar o bicampeonato, ele terá de jogar de forma mais agressiva e os dados coletados nesses sensores, e repassados imediatamente ao público, serão importantes para avaliarmos o quanto ele está jogando ofensivamente".

A tecnologia indicará outros dados importantes, como o ângulo obtido no golpe e qual a distância que o adversário precisou percorrer para tentar a rebatida.  "Somados à medição de saque e da devolução, ficará mais fácil entender como alguém está ganhando ou perdendo", avalia o campeão de 1987 Pat Cash. "Acredito que num futuro próximo o tenista será autorizado a usar um chip em sua raquete para checar detalhadamente como está jogando. O tênis irá crescer com isso", aposta o australiano.

Últimas notícias
Comentários
Faberg
Roland Garros Series