fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Maria Sharapova, Serena Williams, Wimbledon Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Maria Sharapova, Serena Williams, Wimbledon Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Maria Sharapova, Serena Williams, Wimbledon tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/sharapova/0621_wim_fotode2004_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/sharapova/0621_wim_fotode2004_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Animada, Sharapova comemora 10 anos do título
21/06/2014 às 11h15
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/sharapova/0621_wim_fotode2004_int.jpg" title="Sharapova tenta o bi em Wimbledon uma década depois" />

Sharapova tenta o bi em Wimbledon uma década depois

Foto: Site oficial
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Londres (Inglaterra) - Ela era uma tenista que chamava a atenção por todos os torneios, não só pela beleza, mas também pelo jogo agressivo, saque poderoso e seus gritos constantes. Aos 17 anos, causou uma das maiores surpresas do tênis feminino profissional, ao derrotar a já experiente Serena Williams logo em sua primeira final de Grand Slam, e ainda por cima na grama sagrada de Wimbledon. A russa Maria Sharapova se tornava assim uma musa de enorme sucesso.

"A memória daquele título ainda está fresca em minha cabeça", afirma a russa, que retorna a Wimbledon novamente cotada entre as principais candidatas ao título. "Parece que isso aconteceu praticamente ontem. Me sinto orgulhosa de ainda estar na mesma direção, lutando por títulos e competindo em alto nível". Sharapova acaba de faturar seu segundo troféu em Roland Garros, no único bicampeonato que possui nos Grand Slam.

A mudança do saibro para a grama não é tão simples, mesmo para uma jogadora tão bem acostumada às quadras britânicas. "É uma mudança e tanto, principalmente se você atinge a segunda semana de Roland Garros. O ajuste parece sempre complicado no começo do treinamento, mas eu tive 10 dias muito proveitosos na quadra de grama e posso garantir que estou entusiasmada para Wimbledon". Sua estreia será na contra a britânica Samantha Murray, que não tem parentesco com Andy Murray.

Perguntada como reage às críticas de que desperdiça muito tempo em atividades fora da quadra, Sharapova foi direta: "Meu título em Roland Garros de duas semanas atrás responde a essa questão". A musa só não quis mesmo dar palpite sobre a Copa do Mundo no Brasil. "Não sou uma especialista em futebol", brincou a russa. "Definitivamente, não sou a melhor pessoa para dar opiniões".

Últimas notícias
Comentários
Faberg
Roland Garros Series