fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Victoria Azarenka, Mirjana Lucic, Bojana Jovanovski, Wimbledon, Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Victoria Azarenka, Mirjana Lucic, Bojana Jovanovski, Wimbledon, Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Victoria Azarenka, Mirjana Lucic, Bojana Jovanovski, Wimbledon, tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/azarenka/0623_wimbledon_vibra_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/azarenka/0623_wimbledon_vibra_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Azarenka: 'É uma sensação incrível jogar sem dor'
23/06/2014 às 16h18
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/azarenka/0623_wimbledon_vibra_int.jpg" title="Azarenka mostrou estar totalmente recuperada da lesão" />

Azarenka mostrou estar totalmente recuperada da lesão

Foto: Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Londres (Inglaterra) - Foram quase quatro meses longe do circuito por causa de uma lesão no pé e um tempo ainda maior sem vencer. Depois de tudo isso, nesta segunda-feira a bielorrussa Victoria Azarenka obteve seu primeiro triunfo desde o Australian Open, em janeiro, ao superar a croata Mirjana Lucic-Baroni em sets diretos pela primeira rodada de Wimbledon.

O reencontro com os resultados positivos foi muito comemorado pela ex-número 1 do mundo, que destacou o fato de não estar mais sentindo nada no pé esquerdo. “Estou muito feliz de poder voltar a jogar, que é o que eu amo fazer. É uma sensação incrível jogar sem dor e isso é o mais importante neste momento”, declarou a bielorrussa.

“Acho que reencontrar o tempo e o jogo é um longo processo, mas o fundamental é estar 100%. Esse é o meu foco, é nisso que estou concentrada agora. Isso é tudo o que posso falar sobre mim neste momento”, acrescentou Azarenka. “Pude permanecer em quadra e lutar até o fim”, vibrou a bielorrussa.

Ela também comentou sobre a Copa do Mundo no Brasil e declarou certo apoio ao time argentino. “Eu amo o Messi. Ele é um dos maiores jogadores de todos os tempos. É tão pequeno e tão fofinho”, declarou a bielorrussa, que na grama de Wimbledon terá pela frente a sérvia Bojana Jovanovski.

Últimas notícias
Comentários
Faberg
Roland Garros Series