Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Wild leva virada do número 1 e para nas quartas
08/06/2017 às 09h21

Wild é o atual 27º do mundo no juvenil

Foto: Arquivo

Paris (França) - Não deu para o paranaense Thiago Wild contra o número 1 do mundo juvenil na chave de Roland Garros. O brasileiro acabou se despedindo nas quarts de final com mais uma virada, desta vez em favor do rival, o sérvio Miomir Kecmanovic, que anotou parciais de 4/6, 6/3 e 6/4, após 2h05 de batalha. 

"Acho que o principal foi o desgaste mental que tive durante a semana, em que tive que virar partidas difíceis. O primeiro set consegui corrigir o que vinha errando no resto da semana. Mas hoje acabei travando a perna, a cabeça cansou e não deu", analisou Wild em entrevista para o Bandsports. 

"Saio com uma avaliação positiva, vou para 10 ou 12 do mundo e com sensações bem otimistas para o futuro", complementou o paranaense, que não passou da estreia nas duplas, jogando ao lado do russo Mikhail Sokolovskiy, superado pelo austríaco Jurij Rodionov e pelo tcheco Michael Vrbensky, cabeças de chave número 4. 

Wild vinha de 13 triunfos seguidos no juvenil, emendando os títulos do Sul-americano e de Santa Croce. Em sua campanha em Paris, ele conseguiu três vitórias seguidas de virada, mas desta vez quem acabou levando a virada foi ele. 

Agora a única chance brasileira no saibro parisiense é a paulista Thaisa Pedretti, que busca um lugar nas semifinais de duplas também nesta quinta-feira. Ela e a colombiana Maria Camila Osorio enfrentam as cabeças de chave 1, as canadenses Bianca Andreescu e Carson Branstine.

Comentários