Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Após semi, Murray se diz no caminho certo
09/06/2017 às 17h25

Britânico espera que boa campanha dê confiança para jogar na grama

Foto: Divulgação

Paris (França) - Depois de cair na semifinal de Roland Garros, Andy Murray diz estar no caminho certo para retomar a confiança. O número 1 do mundo vinha de altos e baixos no ano e a boa campanha em Paris pode levá-lo aos melhores resultados na grama.

"Eu estive perto de alcançar uma final de Slam, então, obviamente, estou jogando muito bem. Espero que isso me dê uma boa base para a temporada de grama", disse Murray após a derrota por 6/7 (6-8), 6/3, 5/7, 7/6 (7-3) e 6/1 em 4h34 para Stan Wawrinka.

"Muitas vezes, quando eu joguei bem no saibro, eu senti que isso me ajudou um pouco na grama. Certamente, os jogos não são tão físicos, então passar por partidas como a que fiz hoje é um bom passo para mim", avaliou o britânico que no ano passado foi vice em Roland Garros e campeão em Wimbledon.

"Eu estava trabalhando duro durante o torneio e precisava disso. Eu precisaria passar muito tempo em quadra. Nem todas as partidas foram simples para mim, foram jogos complicados. Então foi um bom torneio para mim", comenta o número 1 do mundo, que havia vencido só quatro jogos no saibro antes do Grand Slam francês.

"Tenho que me certificar do que eu preciso continuar a fazer ao longo do ano e não cometer erros na minha preparação ou no meu treinamento. Espero terminar o ano forte", comenta o jogador de 30 anos, que vai subir no ranking da temporada do 13º para o sétimo lugar e segue lutando por uma vaga no ATP Finals.

"Eu esperava que teria alguns altos e baixos no torneio por causa da maneira que eu cheguei aqui. Não fiz muitos jogos com essa intensidade nas últimas seis ou sete semanas", comentou o britânico. "Em um jogo com mais de quatro horas e meia, haverá períodos em que você não está batendo muito bem na bola e seu oponente está jogando bem. Você precisa tentar enfrentar essa tempestade um pouco".

Comentários