Notícias | Dia a dia | Wimbledon
'Baixinho' surpreende Isner e enfrenta Dimitrov
06/07/2017 às 11h38

Sela obteve duas quebras de serviço e venceu dois tiebreaks do americano

Foto: ATP

Londres (Inglaterra) - O israelense Dudi Sela deu uma grande surpresa na segunda rodada de Wimbledon. Com 1,75m, ele superou o gigante John Isner, 33 centímetros mais alto, em maratona de cinco sets e três tiebreaks. Atual 90º do ranking, Sela anotou as parciais de 6/7 (5-7), 7/6 (7-5), 5/7, 7/6 (7-5) e 6/3.

Wimbledon foi o único Grand Slam em que Sela, de 32 anos, já atingiu as oitavas de final até hoje, em 2009. Nas últimas quatro participações, sequer havia passado da primeira rodada. O israelense já esteve na faixa dos top 30 do ranking.

Isner disparou nada menos do que 45 aces na partida contra apenas 5 do adversário, mas ainda assim perdeu dois games de serviço, o mais importante deles já no quinto set. O americano abriu 0-40 para fazer 5/4 no segundo set, o que lhe daria grande vantagem e perdeu justamente o último ponto do tiebreak do quarto set numa tentativa falha de saque-voleio.

O adversário de Sela na luta por vaga nas oitavas de final será o búlgaro Grigor Dimitrov, que teve atuação firme e deu poucas oportunidades ao cipriota Marcos Baghdatis, fechando a partida com parciais de 6/3, 6/2 e 6/1. Foi a oitava vitória de Dimitrov sobre Baghdatis em nove duelos.

Dimitrov foi semifinalista em Wimbledon três anos atrás, deixando pelo caminho Andy Murray e chegando então ao top 10 pela primeira vez na carreira. Ele no entanto não fez grandes preparativos para este Wimbledon, com derrota na estreia de Stuttgart e na semi de Queen's.

Ferrer sem esforço
Quem se classificou sem esforço foi o espanhol David Ferrer. Depois de surpreender Richard Gasquet na estreia, o veterano de 35 anos a agora 39º do mundo ainda estava no terceiro game da partida quando viu o belga Steve Darcis abandonar com dores nas costas. Ele aguarda agora quem passar do jogo entre Tomas Berdych e Ryan Harrison.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series