Notícias | Dia a dia
Muguruza destaca a paciência após boa estreia
22/10/2017 às 15h46

Muguruza soube esperar pelas oportunidades contra Ostapenko

Foto: Divulgação

Cingapura (Cingapura) - Paciência foi a palavra-chave para Garbiñe Muguruza após a estreia vitoriosa no WTA Finals. A espanhola acredita que foi fundamental esperar pelas oportunidades e arriscar apenas no momento certo contra a letã Jelena Ostapenko e colheu os frutos com o resultado positivo no torneio que reúne as oito melhores jogadoras da temporada em Cingapura.

"Senti como se eu estivesse jogando uma partida de quartas de final de Grand Slam contra uma das melhores jogadoras. Eu precisava estar confiante e esperar por minhas oportunidades, especialmente contra uma adversária tão boa e que não sente medo", disse Muguruza após a vitória por 6/3 e 6/4.

Embora tenha feito menos da metade dos winners em relação a Ostapenko, 10 contra 21 da letã, a espanhola cometeu apenas 14 erros não-forçados, enquanto a rival deu 25 pontos de graça.

"Já joguei contra Ostapenko algumas vezes e sabia poderia sacar muito bem às vezes, mas também comete algumas duplas-faltas. Ela é agressiva, mas assume alguns riscos e eu tentei agarrar todas as oportunidades que tive", explica a vice-líder do ranking, que conseguiu a segunda vitória em quatro jogos contra a letã.

Muguruza também falou sobre o trecho final da partida. Depois de liderar o segundo set por 5/1, ela permitiu três games seguidos a Ostapenko, que devolveu uma das quebras e colocou pressão sobre a vice-líder do ranking. "Eu queria muito ganhar e ela não estava me dando nada de graça", recorda a espanhola, quando perguntado se ela estava nervosa naquele momento. "Ela estava fazendo pontos incríveis quando estava perdendo, mas esperei pelo meu momento, quando eu iria sacar para tentar assumir o controle e deu certo".

Na próxima terça-feira, Muguruza enfrenta a tcheca Karolina Pliskova em seu segundo jogo no Finals. A espanhola, que pode ficar muito próxima vaga em caso de vitória, venceu apenas dois dos oito duelos anteriores contra a tcheca, mas levou a melhor no duelo mais recente em Cincinnati. "Nós duas conhecemos o jogo uma da outra, já joguei contra ela várias vezes. Tenho que ser consistente e apostar nos meus golpes para ter sucesso".

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis