Notícias | Dia a dia | Australian Open
Melo e Soares ficam em lados opostos na chave
14/01/2018 às 07h37

Campeões em 2016, Soares e Murray serão os cabeças 5 em Melbourne

Foto: Arquivo

Melbourne (Austrália) - O sorteio que definiu a chave de duplas masculinas do Australian Open colocou os mineiros Marcelo Melo e Bruno Soares em lados distintos do quadro. Dessa forma, a única maneira de um duelo entre eles seria em uma possível final no Grand Slam australiano.

Melo e o polonês Lukasz Kubot são os principais cabeças de chave e estreiam contra o alemão Mischa Zverev e o italiano Paolo Lorenzi. Na segunda fase, podem pintar os convidados locais Max Purcell e Luke Saville ou os russos Andrey Rublev e Mikhail Elgin.

Os adversários mais cotados para as oitavas de final são o norte-americano Rajeev Ram e o indiano Divij Sharan. Na fase seguinte, há chance de enfrentar os espanhois Marc e Feliciano Lopez ou a parceria do sul-africano Raven Klaasen com o neozelandês Michael Venus. O lado de cima da chave ainda tem os franceses Nicolas Mahut e Pierre Hugues Herbert e a embalada dupla do autríaco Oliver Marach com o croata Mate Pavic, vencedores de dois títulos este ano.

Já Soares e o britânico Jamie Murray, campeões em 2016, são os cabeças de chave número 5 e estreiam contra os norte-americanos Donald Young e Frances Tiafoe. Logo nas oitavas podem pintar os colombianos Robert Farah e Juan Sebastian Cabal. Nas quartas podem pintar o holandês Jean-Julien Rojer e o romeno Horia Tecau, enquanto os irmãos Bob e Mike Bryan e os atuais campeões Henri Kontinen e John Peers estão no outro quadrante.

Outro brasileiro na chave de duplas é o gaúcho Marcelo Demoliner, que joga ao lado do filipino Treat Huey. Os adversários na estreia são o polonês Marcin Matkowski e o paquistanês Aisam-Ul-Haq Qureshi, cabeças 15 do torneio. Em possíveis oitavas, podem cruzar o caminho de Kontinen e Peers.

Comentários