Notícias | Dia a dia | Australian Open
Djokovic arrasa na volta e Wawrinka tem trabalho
16/01/2018 às 04h18

Wawrinka cedeu set e sofreu para superar a estreia

Foto: Divulgação

Melbourne (Austrália) - Embora os resultados tenham sido positivos, a primeira rodada deste Australian Open foi bem diferente para o sérvio Novak Djokovic e o suíço Stan Wawrinka, ambos retornando ao circuito após longa pausa por lesão. Enquanto o ex-número 1 do mundo mostrou um grande tênis para arrasar o norte-americana Donald Young, o tenista de Lausanne sofreu contra o lituano Ricardas Berankis.

Wawrinka foi o primeiro a entrar em quadra, começou seu jogo uma hora antes do que o de Djokovic, mas quase terminou depois. O suíço precisou de quatro sets e 2h50 para superar Berankis, fechando o jogo com o placar final de 6/3, 6/4, 2/6 e 7/6 (7-2). Ele espera agora pelo vencedor da partida entre o francês Jeremy Chardy e o jovem norte-americano Tennys Sandgreen.

Bem mais rápido e de forma muito mais tranquila veio a vitória de Djokovic contra o canhoto Young, que no começo mal conseguiu fazer frente ao sérvio, melhorou um pouco no decorrer da partida, mas nada suficiente para evitar a derrota em sets diretos anotada com parciais de 6/1, 6/2 e 6/4, depois de 1h52 de duelo.

Cabeça de chave 14, 'Nole' ainda não sabe quem enfrentará na segunda rodada e vai ter que esperar a conclusão do embate entre o francês Gael Monfils e o espanhol Jaume Munar para saber quem será seu próximo oponente. O sérvio nunca enfrentou o espanhol de 20 anos e atual 187 do mundo, ao passo que contra o francês foram 14 triunfos no circuito da ATP e apenas uma derrota em ITF.

Em seu primeiro torneio desde Wimbledon, o ex-líder do ranking mostrou ótima forma e deixou boa impressão. Foram 26 bolas vencedoras e apenas nove erros não forçados do sérvio, que colocou apenas 58% dos primeiros serviços em quadra, venceu 50 dos 66 pontos que disputou com o saque no decorrer da partida e só levou uma quebra.

Comentários