Notícias | Dia a dia | Australian Open
Para Federer, quadra é tão rápida quanto a de 2017
16/01/2018 às 12h27

Suíço prefere continuar jogando à noite na sequência do torneio

Foto: Divulgação

Melbourne (Austrália) - Dono de cinco títulos no Australian Open e atual detentor do título, Roger Federer acredita que a quadra de jogo da Rod Laver Arena, principal palco do Melbourne Park, está tão rápida quanto a do ano passado. Foi essa a sensação que o suíço teve após seu jogo de estreia no Grand Slam australiano.

"Eu diria que é o mesmo, ou praticamente o mesmo. Sinto que a quadra estava rápida esta noite. Normalmente, ela fica mais lenta durante a noite", disse Federer após vencer o esloveno Aljaz Bedene por 6/3, 6/4 e 6/3 nesta terça-feira.

"Acho que Bedene e eu estávamos tentando bater cedo na bola e partir para a definição dos pontos. Senti a quadra muito rápida hoje e foi assim que também no ano passado. Quando você saca bem e já coloca um bom golpe, você é recompensado por isso", acrescentou o número 2 do mundo.

Federer, que agora enfrenta o alemão Jan-Lennard Struff pela segunda rodada, prefere continuar jogando no período noturno visando adquirir ritmo para a sequência na competição. "Se eu puder escolher, prefiro estar na mesma situação. Ou eu jogo sempre durante o dia ou sempre durante a noite".

"Sei que nem sempre é possível. Vou pedir uma partida noturna porque eu joguei a noite hoje e fica mais fácil, em vez de ficar sempre alternando entre dia e noite. Também é bom para o ritmo e para sentir a quadra", explicou o jogador de 36 anos.

"No final, é a orgnanização do torneio que faz a programação. Eles têm muitos jogos. É claro que você pode solicitar o que você prefere, mas nessa fase do torneio, com tantos caras em quadra, você não sabe o que vai acontecer".

Comentários