Notícias | Dia a dia | Australian Open
Svitolina acaba com a festa de jovem compatriota
19/01/2018 às 02h07

Svitolina garantiu seu lugar nas oitavas

Foto: Divulgação

Melbourne (Austrália) - Sensação deste Australian Open na chave feminina, a ucraniana Marta Kostyuk, de apenas 15 anos, se despediu da competição nesta sexta-feira. Sua algoz foi a compatriota Elina Svitolina, que fez valer a condição de quarta mais bem cotada ao título para triunfar em sets diretos, com duplo 6/2, em apenas 59 minutos de partida.

A próxima adversária de Svitolina será a tcheca Denisa Allertova, primeira a garantir um lugar nas oitavas de final ao bater a polonesa Magda Linette em sets diretos, com placar final de 6/1 e 6/4, depois de 1h11. A ucraniana tentará uma revanche contra a tenista de Praga, que a venceu na única vez que se cruzaram, dois anos atrás em Doha.

Única cabeça de chave ainda viva no seu quadrante, a número 4 do mundo teve um início de jogo atribulado, sendo quebrada logo no primeiro game. Só que Svitolina não deixou a jovem rival comemorar a vantagem por muito tempo e logo em seguida tratou de igualar o marcador. Kostyuk se manteve firme até o 2/2, quando teve a derrocada e perdeu os quatro games seguintes.

No segundo set, Svitolina foi mais firme e tratou de comandar as ações desde o começo, sem dar uma brecha sequer para a compatriota. Uma quebra no quarto game e mais uma no oitavo, quando Kostyuk sacava pressionada em 2/5, foram suficientes para garantir a mais experiente das ucranianas em quadra na próxima rodada.

Atual 522 do mundo, a jovem croata de 15 anos dará uma bela arrancada na WTA com a campanha conquistada no Melbourne Park, em sua primeira aparição da carreira em um Grand Slam. Kostyuk vai disparar mais de 270 posições, entrará no top 250 e deverá aparecer no próximo ranking por volta da 243ª colocação.

Do outro lado, Svitolina vai subindo provisoriamente para o terceiro lugar no ranking, deixando para trás a espanhola Garbiñe Muguruza, e segue de olho na liderança, em uma briga que ainda tem a atual número 1 do mundo, a romena Simona Halep, a dinamarquesa Caroline Wozniacki, a tcheca Karolina Pliskova e a letã Jelena Ostapenko.

Comentários