Notícias | Dia a dia | Australian Open
Algoz de Wawrinka volta a aprontar e elimina Thiem
22/01/2018 às 08h18

O norte-americano Tennys Sandgren já derrubou dois top 10 neste torneio

Foto: Divulgação

Melbourne (Austrália) - Algoz do suíço Stan Wawrinka na segunda rodada do Australian Open, o norte-americano de 26 anos Tennys Sandgren, 97º do ranking, voltou a surpreender um top 10 e derrubou o número 5 do mundo Dominic Thiem ao marcar as parciais de 6/2, 4/6, 7/6 (7-4), 6/7 (7-9) e 6/3 em 3h54 de partida para chegar às quartas de final do Australian Open.

Sandgren tinha apenas duas vitórias em nível ATP na carreira antes deste Australian Open e havia perdido os dois jogos de Grand Slam que fez anteriormente. A improvável campanha em Melbourne já o faz se aproximar do grupo dos cinquenta melhores jogadores do mundo, superando de longe seu recorde pessoal que foi o 85º lugar.

O jogador norte-americano, que tenta dar continuidade à sua grande história no torneio, agora espera pela partida entre Novak Djokovic e Hyeon Chung. Com pouca experiência na elite do circuito, o sérvio seria um adversário inédito para ele. Já Chung o derrotou recentemente pelo ATP de Auckland.

Por sua vez, Thiem permanece sem conseguir passar das oitavas de final do Australian Open. Em sua quinta participação, foi a segunda vez que ele parou nesta fase. Em Grand Slam, o austríaco de 24 anos só superou a barreira das oitavas duas vezes, ambas no saibro de Roland Garros, onde foi semifinalista duas vezes seguidas.

Cada jogador fez 20 aces e quatro duplas-faltas e a diferença no número de winners foi muito pequena, 66 a 63 para Thiem. Entretanto, o austríaco cometeu 49 erros não-forçados contra 38 do norte-americano, além de ter aproveitado apenas dois dos doze break points que criou, enquanto Sandgren obteve quatro quebras de saque.

No set inicial, Sandgren aproveitou as duas chances que teve para quebrar o saque de Thiem, disparou cinco aces e fechou a porta nos quatro break points que enfrentou. A parcial seguinte teve apenas uma quebra, favorecendo Thiem ainda no início da disputa. Terceiro e quarto sets foram definidos no tiebreak. Na primeira ocasião, o austríaco foi mal em seu saque e perdeu dois pontos importantes que facilitaram o caminho para o rival. Já na outra disputa, Thiem precisou de um winner de backhand espetacular para salvar um match point antes de forçar o quinto set.

Na parcial decisiva, Sandgren contou com erro não-forçado de forehand do austríaco para salvar o único break point que enfrentou, ainda no terceiro game. Pouco mais tarde, em um game muito longo, Thiem cometeu seis erros e permitiu a quebra ao norte-americano, que soube administrar a vantagem até o fim.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series