Notícias | Dia a dia | Australian Open
Mischa Zverev leva multa exemplar em Melbourne
23/01/2018 às 02h45

Alemão levou multa de US$ 45 mil por desempenho ruim

Foto: Divulgação

Melbourne (Austrália) - A organização do Australian Open fez uma mudança importante antes desta edição do torneio para evitar um número grande de abandonos na primeira rodada. Eles implementaram uma regra que permite o atleta qualificado para o evento, mas que não tem condições físicas de entrar em quadra, possa retirar metade do prêmio de primeira rodada se desistir a tempo de colocarem um luck-loser no seu lugar.

Esta mudança mostrou-se bastante eficaz, já que apenas um jogo dos 128 de primeira rodada, somando as chaves masculina e feminina, terminou com abandono. O solitário desistente foi o alemão Mischa Zverev, que acabou levando uma punição exemplar da direção, recebendo uma multa US$ 45 mil por desempenho fraco. O valor da multa é quase o mesmo da premiação total para os derrotados na estreia, que está na casa dos US$ 47 mil.

Segundo levantamento do New York Times, o número de desistências no Melbourne Park em 2018 foi o menor em Grand Slam nos últimos 10 anos, repetindo algo que aconteceu apenas três vezes nestes 40 torneios. Ainda conforme os números apontados pela publicação norte-americana, a média de abandonos em estreias neste período é de 3,13 no masculino e 1,05 no feminino.

"O que aconteceu na primeira rodada deste ano provou a todos que a nova regra (da premiação) funciona. O verdadeiro vencedor nisso tudo é o fã de tênis, que pode ver jogos de alta qualidade, competitivos e com jogadores que estão 100% fisicamente para isso", declarou Craig Tiley, diretor do Australiano Open.

Comentários