Notícias | Dia a dia | Australian Open
Wozniacki vai para a final e busca título inédito
25/01/2018 às 03h20

Wozniacki vai disputar sua terceira final de Slam

Foto: Divulgação

Melbourne (Austrália) - Apenas uma vitória separa agora a dinamarquesa Caroline Wozniacki do tão sonhado primeiro título de Grand Slam. Nesta quinta-feira, a número 2 do mundo teve uma firme atuação contra a belga Elise Mertens, que lutou até onde pode, mas não conseguiu evitar a derrota, caindo em sets diretos e com placar final de 6/3 e 7/6 (7-3), depois de 1h37 de embate.

Além de se aproximar de uma conquista inédita no Australian Open, a dinamarquesa também vê a liderança do ranking cada vez mais perto. Com a vaga na decisão do torneio, ela assume provisoriamente o posto de número 1 do mundo e pode assegurá-lo com antecedência caso a romena Simona Halep seja derrotada na segunda semifinal do dia pela alemã Angelique Kerber.

Se Halep vencer e for para a final, ela e Wozniacki irão duelar pela ponta do ranking e também pelo primeiro Slam de ambas. A dinamarquesa leva vantagem no retrospecto contra a romena, somando quatro vitórias e duas derrotas, ao passo que contra a germânica o saldo positivo é da adversária, com oito triunfos em 13 confrontos.

Derrotada na única semi que disputou no Australian Open, diante da chinesa Na LI, a dinamarquesa entrou disposta a buscar sua terceira vitória na sétima vez que chegou a figurar entre as quatro melhores em um Slam. Ela teve trabalho nos primeiros games de saque, mas começou a deslanchar ao bater o saque de Mertens e fazer 3/1. Bastou então administrar a vantagem até o fim para levim para levar o primeiro set.

Na segunda parcial foi a belga que teve trabalho nas primeiras vezes que foi ao saque, salvou dois break-points no primeiro game e amargou uma quebera no terceiro. Mertens não esmoreceu apesar do placar adverso, devolveu o break no décimo e por pouco não empatou o jogo, perdendo dois set-points seguidos no 12º, levando a definição para o tiebreak, em que Wozniacki tratou de dominar e assim fechou o jogo.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series