Notícias | Dia a dia
Svitolina é bicampeã em Dubai e vence seu 11º WTA
24/02/2018 às 13h34

Svitolina permanecerá no quarto lugar do ranking mundial

Foto: Divulgação

Dubai (Emirados Árabes) - Assim como aconteceu na temporada passada, o título do WTA Premier de Dubai é de Elina Svitolina. A ucraniana garanitiu o bicampeonato nos Emirados Árabes ao vencer uma rápida final de 1h10 contra a jovem russa de 20 anos Daria Kasatkina por 6/3 e 6/0.

Este é o 11º título da carreira de Svitolina e o segundo na temporada, já que ela também foi campeã em Brisbane. A ucraniana de 23 anos consegue defender um título pela segunda vez da carreira, repetindo o que fez em Baku nos anos de 2013 e 2014. Além disso, ela mantém seu ótimo histórico em finais, já que perdeu apenas duas.

Apesar do bicampeonato, Svitolina terá um prejuízo no ranking. Isso porque os torneios de Doha e Dubai inverteram de categoria em relação ao ano anterior. Dessa forma, a ucraniana defendeu apenas 470 dos 900 pontos que tinha a descontar nesta semana. Ela também não foi bem no Qatar, onde recebeu só 105 pontos pela campanha até as oitavas. Ainda assim, Svitolina permanece na quarta posição na lista.

Já Kasatkina poderá comemorar o melhor ranking de sua carreira. Ela entrou no torneio como 24ª do ranking e aparecerá na 20ª posição a partir da próxima segunda-feira. Durante sua incrível campanha, a jovem russa salvou dois match points contra Johanna Konta nas oitavas e mais três diante de Garbiñe Muguruza na semifinal.

A rápida partida deste sábado com Svitolina muito firme do fundo de quadra e oferecendo poucas opções para Kasatkina. A jovem russa, que varia bastante o jogo, mas costuma esperar pelos erros da adversária teve um break point no segundo game da partida e depois não teve mais chances de ameaçar o saque da ucraniana que obteve apenas uma quebra no set inicial.

Depois de terminar o primeiro set com cinco winners e 19 erros não-forçados, Kasatkina foi orientada pelo técnico Philippe Dehaes a tentar ser mais agressiva, já que não viriam pontos de graça do outro lado da quadra. A russa fez apenas oito pontos com seu próprio saque e permitiu três quebras a Svitolina, que manteve o saque e garantiu o bicampeonato. A ucraniana liderou nos winners por 18 a 11 e cometeu 16 erros contra 34 de sua jovem rival.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis