Notícias | Dia a dia
Após acordo, Bouchard e USTA ajudarão projeto social
17/04/2018 às 20h04

A tenista e a associação norte-americana irão doar fundos para projeto em NY

Foto: Arquivo

Nova York (EUA) - Pouco mais de um mês depois de obter uma decisão judicial favorável no processo que movia contra a United States Tennis Association (USTA), Eugenie Bouchard e a associação norte-americana divulgaram nesta terça-feira uma ação conjunta entre as duas partes.

Bouchard e a USTA irão doar fundos para a New York Junior Tennis and Learning (NYTJL), localizada no Carey Leeds Center, no bairro do Bronx, em Nova York. O projeto social promove ações educacionais aos jovens por meio do tênis.

Segundo nota da USTA, a iniciativa visa "alavancar o tênis como uma ferramenta para promover oportunidades para os jovens", algo considerado de extrema importância para as duas partes. O comunicado da entidade também esclarece que o projeto também surge para que a jogadora e a associação possam seguir em frente e buscar interesses mútuos.

Desde que Bouchard sofreu um acidente em uma sala de fisioterapia durante o US Open de 2015, houve uma disputa judicial entre a tenista canadense e a associação norte-americana. A jogadora exigiu indenização por danos físicos e emocionais pelo episódio e pelo próprio andamento do processo, que tramitou durante dois anos e meio.

No fim de fevereiro, o júri entendeu que 75% da responsabilidade cabiam à USTA e 25% a Bouchard. Dessa forma, a entidade só precisaria pagar apenas 75% do valor determinado na sentença. Os termos da fase indenizatória do processo não foram divulgados.

Comentários
Loja - livros
Mundo Tênis