Notícias | Dia a dia
Serena pode ser cabeça de chave em Wimbledon
04/05/2018 às 09h42

Serena já ergueu a taça sete vezes em Wimbledon

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - Diferente do que acontece em todos os demais torneios do circuito, inclusive nos Grand Slam, o sistema de cabeças de chave de Wimbledon é definido de maneira diferente. No masculino ele leva em conta os desempenhos na grama, ao passo que entre as mulheres há um comitê que define as favoritas.

Graças a isso é que a norte-americana Serena Williams ainda pode sonhar em figurar como uma das pré-classificadas na competição deste ano, mesmo ocupando a modesta 449ª colocação na lista da WTA e sem ter competido na grama no ano passado por causa da gravidez.

Em entrevista coletiva na última terça-feira, em que falou sobre as novidades para 2018, o diretor executivo do torneio Richard Lewis afirmou que será pouco provável a inclusão da ex-número 1 do mundo entre as cabeças de chave do evento, mas não descartou sua presença entre elas.

"O comitê estudará se será necessária alguma mudança para proporcionar uma chave muito mais equilibrada, fazendo com que Serena possa sim estar entre as 32 pré-classificadas", observou o diretor executivo do All England Club.

Serena é uma das maiores vencedoras da história de Wimbledon, ocupando a terceira colocação entre as que mais títulos levantaram no torneio. Ela tem sete conquistas e fica ao lado da alemã Steffi Graf e da britânica Dorothea Lambert Chambers. A segunda na lista é a norte-americana Helen Wills Moody, com oito títulos, e a maior campeã é a tcheca naturalizada norte-americana Martina Navratilova e suas nove taças.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis