Notícias | Dia a dia
Azarenka define seu calendário até Wimbledon
08/05/2018 às 15h19

Azarenka ainda jogará em Roma, Roland Garros, Mallorca e Wimbledon

Foto: Jimmie48/WTA

Madri (Espanha) - Aos poucos, Victoria Azarenka retoma uma sequência normal de torneios no circuito. Superada ainda na segunda rodada do WTA Premier de Madri, a bielorrussa garante que disputará os eventos europeus no saibro e na grama em preparação para os dois próximos Grand Slam, Roland Garros e Wimbledon.

"Vou jogar todo o circuito até Wimbledon", disse Azarenka, durante entrevista coletiva em Madri no último domingo. "Eu jogo em Roma, jogo em Paris, vou jogar em Mallorca e vou jogar em Wimbledon. Essa é a minha programação para os próximos dois meses. Isso é definitivo".

Azarenka só disputou cinco torneios desde o nascimento do filho, Leo, em dezembro de 2016. Uma disputa judicial com o pai do menino pela guarda da criança impediu que ela jogasse durante sete meses. "Eu descobri no final de abril que eu poderia viajar. Mas eu tentei ficar focada no meu treinamento desta vez. Fiz uma preparação um pouco melhor e estou tentando conseguir um pouco pouco mais estabilidade agora".

Em 2018, Azarenka só havia atuado em Indian Wells e Miami. Depois de perder ainda na segunda rodada na Califórnia, a ex-número 1 fez uma ótima campanha na Flórida e foi semifinalista. "Miami me deu muita satisfação pessoal. Sem fazer essa preparação, ainda fui capaz de jogar em alto nível. Isso me dá a motivação de que eu posso fazer o que eu quiser. Eu só preciso ser capaz de ter estabilidade, treinar e disputar partidas".

"Sinto que estou sendo repetitiva em todos os torneios, mas é verdade (sorrindo): Tenho que disputar mais jogos. Quanto mais eu puder jogar, eu vou", garantiu a jogadora de 28 anos e atual 98ª colocada. A bielorrussa se despediu de Madri na última segunda-feira após a derrota para Karolina Pliskova na segunda rodada por 6/2, 1/6 e 7/5.

A ex-líder do ranking comemora o fato de poder voltar a jogar no saibro europeu. "O saibro verde dos Estados Unidos é horrível, o que me fez apreciar muito mais o saibro vermelho", disse Azarenka com um grande sorriso. "Quando cheguei aqui, todos os quiques ruins da bola pareciam incríveis. Talvez isso seja uma coisa boa".

Ela também conta que o filho de um ano tem aproveitado bem a visita à Europa. "Leo absolutamente adora isso. Madri é uma cidade tão bonita e com muitas atrações para as crianças. É realmente incrível. Estivemos em muitos parquinhos diferentes, em shows, em shows de mágica no parque. É de graça. É incrível".

Técnico de Azarenka desde os torneios americanos em março, Slava Konikov falou ao site da WTA sobre a preparação da bielorrussa. "Ela está muito feliz porque, depois de todos esses meses, pode jogar fora dos Estados Unidos. Ela vem trabalhando duro e está muito feliz em jogar aqui em Madrid e também outros torneios na Europa".

"Ela está melhorando a cada dia, é muito mais forte do que dois meses ou um mês atrás e muito mais consistente do que antes", avalia o treinador. "Ela é muito profisional e tenta esquecer de todo o resto quando está na quadra e apenas se concentrar no que está acontecendo no jogo. Estou muito impressionado".

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis