Notícias | Dia a dia
Algoz de Wozniacki, Bertens também derrota Sharapova
10/05/2018 às 13h46

Bertens enfrentará a sétima colocada Caroline Garcia na semifinal

Foto: Divulgação

Madri (Espanha) - Apenas um dia depois de eliminar a número 2 do mundo Caroline Wozniacki, Kiki Bertens voltou a derrubar uma ex-líder do ranking no saibro de Madri. A holandesa de 26 anos e número 20 do mundo virou o jogo contra Maria Sharapova, com parciais de 4/6, 6/2 e 6/3 em 2h05 de partida para ser semifinalista na capital espanhola.

A campanha até a semifinal em Madri faz com que Bertens iguale o melhor ranking da carreira, que foi o 18º lugar alcançado em maio do ano passado. Dona de cinco títulos no circuito, todos eles no saibro, Bertens tentará alcançar a sétima e mais importante final de sua carreira profissional.

A adversária de Bertens na semi será a francesa Caroline Garcia, sétima do ranking mundial, que derrotou a espanhola Carla Suárez Navarro por 6/2 e 6/3. A holandesa levou a melhor nos dois duelos anteriores contra Garcia e lutará por sua quinta vitória contra top 10.

Já Sharapova sairá do atual 52º lugar do ranking e voltará ao top 40. A russa poderia assumir a 31ª colocação e ficar em boas condições para ser cabeça de chave em Roland Garros se fosse semifinalista em Madri. O próximo compromisso da ex-número 1, que ainda tenta estar entre as 32 favoritas em Paris, será no saibro de Roma na semana que vem.

Sharapova não repetiu o bom desempenho apresentado no jogo contra Kristina Mladenovic nas oitavas, em que disparou nove aces e trinta winners. A russa não ganhou nenhum ponto direto com o saque e anotou apenas 18 bolas vencedoras, três a menos que sua adversária. Além disso, a ex-líder do ranking cometeu 37 erros não-forçados contra 34 da rival.

Primeira a quebrar, Sharapova liderou o set inicial por 3/1, mas permitiu o empate no sexto game. Ainda assim, a russa voltaria a conseguir uma importante quebra no último game do set inicial. Bertens fez um começo de segundo set irrepreensível, ao vencer doze pontos em quinze possíveis e quebrar duas vezes para liderar por 3/0. A holandesa chegou a perder uma das quebras de vantagem, mas voltaria a vencer um game no saque da russa. Já no terceiro set, Sharapova parecia perdida em quadra e fazia escolhas ruins nas jogadas. A russa venceu menos da metade dos pontos disputados em seu saque, 16 em 33 possíveis, e acabou sofrendo três quebras da holandesa.

Comentários
Loja - livros
Mundo Tênis