Notícias | Dia a dia
Wozniacki faz quartas e ainda luta pelo número 1
17/05/2018 às 18h54

Wozniacki segue na disputa com Halep pela liderança do ranking

Foto: Divulgação

Roma (Itália) - A luta de Caroline Wozniacki para voltar à liderança do ranking ganhou mais um capítulo nesta quinta-feira, quando a dinamarquesa garantiu sua vaga nas quartas de final do WTA Premier de Roma. A número 2 do mundo marcou as parciais de 6/2, 5/7 e 6/3 em 2h14 contra a 20ª colocada Anastasija Sevastova. Dessa forma, Wozniacki mantém o perfeito retrospecto nos quatro jogos que fez diante da rival letã.

Agora que tanto Wozniacki quanto a atual número 1 Simona Halep estão nas quartas, a dinamarquesa tem a vantagem de poder fazer a mesma campanha da romena para ultrapassá-la no ranking. Já Halep precisa, no mínimo, de uma vitória a mais que a concorrente no saibro italiano para manter a liderança. Uma eventual final entre as duas, como aconteceu no Australian Open, seria um confronto direto pela primeira posição.

Wozniacki enfrenta nas quartas a estoniana Anett Kontaveit, 26ª do ranking, contra quem tem uma vitória e uma derrota, mas os dois jogos foram na grama. O tira-teima acontece a partir das 11h30 (de Brasília) desta sexta-feira. Já Halep atua a partir das 14h30 contra a sétima colocada francesa Caroline Garcia, a quem derrotou em três dos quatro duelos anteriores. A vaga de Garcia nas quartas veio após a vitória por 6/1 e 7/6 (9-7) sobre a norte-americana Sloane Stephens.

O começo de jogo foi tranquilo para Wozniacki, que era firme do fundo de quadra e encontrava soluções para as variações de jogo impostas pela adversária. Quase sempre em que a letã tentava um drop shot, a dinamarquesa conseguia responder com boas contra-deixadas. Isso aconteceu até mesmo no set point da primeira parcial, quando a vice-líder do ranking anotou sua terceira quebra na partida.

Wozniacki ampliou sua vantagem ao começar o segundo set vencendo por 2/0, mas perdeu o saque na sequência e permitiu a reação da rival. Sevastova passou a correr menos riscos em seus games de serviço e sustentar mais as trocas de bola com a dinamarquesa. Dois erros seguidos da ex-número 1 custaram mais uma quebra a favor da letã, já no sétimo game.

A desvantagem momentânea no placar não deixou a campeã do Australian Open baixar a intensidade. Ela buscou o empate de imediato e salvou um break point antes de liderar por 5/4. No game seguinte, Sevastova sacou pressionada e cometeu três erros não-forçados, mas conseguiu salvar um match point antes de confirmar o serviço. A letã ganhou confiança e venceu os dois games subsequentes para forçar o terceiro set.

A oportunidade perdida no set anterior e a reação da adversária fizeram com que Wozniacki elevasse o nível no último set. A dinamarquesa não enfrentou break points, cedeu apenas seis pontos em seus games de saque e foi ainda mais consistente nas trocas de bola do fundo de quadra. Além disso, a ex-número 1 do mundo aproveitou a única chance de quebra que teve, ainda no início da parcial. Wozniacki liderou a contagem de winners por 31 a 30 e cometeu apenas 21 erros contra 35 da rival.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis