Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Argentino ganha vaga e viaja 1000 km de carro
27/05/2018 às 12h31

Marco Trungelitti, à esquerda, alugou um carro após vaga inesperada e está viajando de Barcelona a Paris para jogar

Foto: Reprodução

Paris (França) - Uma situação bastante inusitada marcou o primeiro dia de competições em Roland Garros. Num domingo com mais de 30 partidas, quem ganhou destaque foi um argentino que sequer estava na capital francesa. Atual 190 do mundo, Marco Trungelitti se encontrava em Barcelona, mais de 1000 km distante de Paris, quando recebeu a notícia que poderia disputar o segundo Grand Slam da temporada.

Eliminado na última rodada do quali pelo polonês Hubert Hurkacz, ele já estava a caminho de Vicenza, na Itália, para a disputa de um challenger, mas seus planos mudaram radicalmente com a notícia da desistência do australiano Nick Kyrgios, que abriu a oitava vaga para um lucky-loser na chave principal do tradicional torneio francês.

Terceiro na lista de espera para jogar em Roland Garros, Trungelitti teve uma combinação de acontecimentos curiosa para conseguir seu lugar no torneio. Tudo começou com o egípcio Mohamed Safwat, o primeiro e o único que assinou a lista de presença no local, ficando com a vaga de última hora do sérvio Viktor Troicki, encarando já neste domingo o búlgaro Grigor Dimitrov.

Um pouco depois veio a confirmação da ausência de Kyrgios, só que nenhum dos nomes seguintes da lista se encontravam no local para assinar a participação. Segundo na espera, logo atrás de Safwat, o indiano Prajnesh Gunneswaran já se encontrava em Vicenza, para onde também se dirigia Trungelitti, que estava em Barcelona e resolveu alugar um carro e se dirigir a Paris.

O argentino irá percorrer 1.035 quilômetros dentro de um automóvel, levando em torno de nove horas para chegar à capital francesa, para encarar o australiano Bernard Tomic na primeira rodada de Roland Garros. Ele deverá chegar ainda na noite deste domingo e com certeza não sairá no prejuízo, uma vez que irá faturar 40 mil euros ao pisar em quadra para jogar.

Comentários