Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Serena vence duelo de saques em sua volta a Paris
29/05/2018 às 13h17

Serena disparou treze aces na partida, dois a menos que sua adversária

Foto: Divulgação

Paris (França) - Em seu retorno a Roland Garros e também a uma quadra de saibro depois de dois anos, Serena Williams estreou no saibro parisiense com uma boa vitória. A norte-americana venceu um duelo de saques contra a canhota tcheca Kristyna Pliskova, 70ª do ranking, por 7/6 (7-4) e 6/4 em 1h45.

Desde o nascimento de sua filha, Alexis Olympia, em setembro do ano passado, este é apenas o quarto torneio que Serena disputa e o primeiro Grand Slam. Ela voltou às quadras em fevereiro para um jogo de duplas no duelo contra a Holanda na Fed Cup e depois atuou em Indian Wells e Miami, acumulando duas vitórias e duas derrotas no total.

Atualmente ocupando o 451º lugar do ranking, Serena recebe 70 pontos pela vitória desta terça-feira. Com isso, a veterana de 37 anos se aproxima da 320ª posição. A ex-número 1 do mundo utilizou o ranking protegido para entrar diretamente no Grand Slam francês, mas o recurso não tem impacto na definição das cabeças de chave, que são indicadas a partir do ranking atual.

Serena também melhora seu ótimo retrospecto em primeiras rodadas de Grand Slam. Vencedoras de 23 títulos, a norte-americana está disputando um torneio deste porte pela 67ª vez e só perdeu uma vez na estreia. Isso aconteceu há seis anos, também em Roland Garros, para a francesa Virginie Razzano.

A próxima adversária de Serena em Roland Garros será a australiana Ashleigh Barty, número 17 do mundo, que derrotou a 79ª colocada russa Natalia Vikhlyantseva por 6/3 e 6/1. Tricampeã em Paris, a norte-americana pode receber 130 pontos se chegar à terceira rodada e já se aproximaria das 250 melhores do mundo.

Como era esperado, o encontro entre duas das melhores sacadoras do circuito feminino teve predomínio de pontos mais curtos, definidos em poucas trocas de bola. Serena tinha um bom aproveitamento com seu saque e apostava na potência de seus golpes para agredir nas devoluções, mas a movimentação e a consistência não eram tão boas por conta da falta de ritmo.

O set inicial não teve quebras e Pliskova salvou o único break point da parcial com um ace, quando já perdia por 6/5. A canhota tcheca começou o tiebreak vencendo por 3-0, graças a um winner de devolução no primeiro ponto. Mas a reação de Serena foi arrasadora. A norte-americana explorou dois segundos saques da adversária e foi firme em seu serviço para vencer seis pontos seguidos e administrar a vantagem.

Em um game de nove minutos, Pliskova conseguiu a primeira quebra da partida e começou o segundo set vencendo por 2/0. Entretanto, Serena devolveria a quebra de imediato após uma dupla-falta de sua adversária. A ex-número 1 ganhou confiança e passou à frente no placar, mas voltaria a ter o saque quebrado. Com o placar empatado por 3/3, a canhota tcheca começou o game com dois aces, mas depois acumulou erros não-forçados e voltaria a sofrer uma quebra. Sacando para o jogo, a ex-número 1 ainda teve que salvar dois break points antes de confirmar a vitória.

As estatísticas da partida foram muito parecidas. Pliskova liderou a contagem de aces por 15 a 13, além de ter feito alguns winners a mais, 34 contra 29 de Serena. A maior disparidade ficou no número de erros não-forçados, com 32 para a tcheca e 25 da norte-americana.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series