Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Halep tem a quarta chance, Stephens busca 2º Slam
08/06/2018 às 15h35

Halep lidera o histórico contra Stephens por 5 a 2, além de ter vencido as últimos quatro

Foto: Divulgação
por Mário Sérgio Cruz

Os caminhos de Simona Halep e Sloane Stephens se cruzam neste sábado, quando as duas decidem o título de Roland Garros a partir das 10h (de Brasília). Enquanto Halep alcança sua quarta final de Grand Slam -a terceira em Paris- e busca o maior título da carreira, Stephens tenta conquistar seu segundo Grand Slam em nove meses para confirmar sua excelente recuperação no circuito.

Halep já amargou o vice em Roland Garros em 2014, quando perdeu para Maria Sharapova, e levou a virada diante da letã Jelena Ostapenko na final do ano passado. Em janeiro, a romena teve mais uma chance de conquistar seu primeiro Grand Slam, mas perdeu um duelo de três sets para Caroline Wozniacki na final do Australian Open. Na ocasião, ela perdeu até mesmo o primeiro lugar do ranking, mas recuperaria a posição no mês seguinte.

Caso seja campeã no sábado, Halep repetirá os feitos da tcheca Jana Novotna e da norte-americana Chris Evert, que venceram os primeiros títulos de Grand Slam na quarta final que alcançaram. Apenas a belga Kim Clijsters, que só venceu em sua quinta oportunidade, teve uma espera maior. A tcheca Helena Sukova perdeu todas as quatro finais de Slam que disputou. Já Wendy Turnbull, Mary Joe Fernandez e Dinara Safina ficaram com o vice nas três vezes em que decidiram um Major.

Por sua vez, Stephens vive um recomeço brilhante de sua carreira profissional. A norte-americana sofreu uma lesão grava no pé direito em 2016 e ficou onze meses sem jogar, chegando a passar por cirurgia. De volta ao circuito em Wimbledon, ela demorou algumas semanas para recuperar o caminho das vitórias e chegou a cair para o 957º lugar do ranking. Com duas semifinais seguidas, em Toronto e Cincinnati, voltou ao top 100 e manteve o embalo no US Open. A então 83ª do ranking venceu sete jogos seguidos em Nova York, conquistou seu primeiro Grand Slam e voltou ao top 20 depois de três anos.

Qualquer que seja o resultado da final, Halep seguirá como a tenista número 1 do mundo. A romena de 26 anos acumula 28 semanas no topo do ranking. Já a décima colocada Stephens, que não defende resultados em Paris, dará outro salto no ranking e alçará a quarta posição. Exceção feita às lendárias irmãs Venus e Serena Williams, a norte-americana de 25 anos é a primeira jogadora de seu país no top 5 desde Lindsay Davenport em abril de 2006.

Desde o início da Era Aberta, em 1968, apenas 48 mulheres tiveram a oportunidade de conquistar um título de Grand Slam. Halep tenta incluir seu nome na seleta lista e se tornar a segunda jogadora de seu país a vencer um dos quatro maiores torneios do mundo. A única romena campeã de Slam foi Virginia Ruzici, na edição de 1978 do aberto francês em Roland Garros. O grupo que Stephens pode integrar é ainda mais exclusivo, já que apenas 27 mulheres conquistaram mais de um título de Grand Slam na carreira. É certo que Roland Garros terá uma campeã inédita e a vencedora da partida será a 27ª jogadora diferente e levantar o troféu.

Ao longo do torneio, tanto Halep quanto Stephens precisaram de viradas para se manter na busca pelo título. A norte-americana cedeu apenas um set, contra dois perdidos pela romena, mas foi quem correu mais riscos. Na terceira rodada, Stephens teve que quebrar duas vezes o saque da italiana Camila Giorgi em momentos em que a adversária sacava para o jogo. Em média, Halep passou 1h29 em quadra, contra 1h16 de Stephens.

O histórico do confronto entre Halep e Stephens é de sete jogos. A romena lidera o retrospecto por 5 a 2, além de ter levado a melhor nos últimos quatro encontros. A número 1 do mundo também venceu os dois encontros realizados no saibro, um deles em Roland Garros. As únicas vitórias da norte-americana foram conquistadas em 2013.

Confira o histórico do confronto entre as finalistas de Roland Garros.

2017
Cincinnati (sintético) - semifinal - Simona Halep 6/2 6/1
Washington (sintético) - 1ª rodada - Simona Halep 7/6(3) 6/0
2015
Miami (sintético) - quartas de final - Simona Halep 6/1 7/5
2014
Roland Garros (saibro) - oitavas - Simona Halep 6/4 6/3
2013
Australian Open (sintético) - 1ª rodada - Sloane Stephens 6/1 6/1
Hobart (sintético) - oitavas - Sloane Stephens 6/4 6/0
2012
Barcelona (saibro) - 1ª rodada - Simona Halep 6/4 6/4

Comentários