Notícias | Dia a dia
Federer vira, derruba Kyrgios e volta ao número 1
16/06/2018 às 13h13

Federer irá deixar Nadal para trás no ranking

Foto: Divulgação

Stuttgart (Alemanha) - A esperada semifinal envolvendo o suíço Roger Federer e o australiano Nick Kyrgios não decepcionou os fãs de tênis e acabou sendo um ótimo jogo. Depois de sair perdendo, o tenista da Basileia teve forças para conseguir buscar a virada e derrubar o perigoso rival com o placar de 6/7 (2-7), 6/2 e 7/6 (7-5), garantindo assim não apenas a vaga na final do ATP 250 de Stuttgart, mas também a volta ao número 1.

Com a campanha desta semana na grama alemã, Federer consegue somar pontos suficientes para ultrapassar o espanhol Rafael Nadal, que liderava o ranking com uma apertada vantagem de apenas 100 pontos. O suíço ficará agora 50 pontos à frente do canhoto de Mallorca e terá que defender o título na próxima semana em Halle para seguir na dianteira.

Seu adversário na final será o canadense Milos Raonic, que depois de mais de um ano de jejum voltou a uma decisão. Federer tem ampla vantagem no retrospecto, com 10 vitórias e apenas três derrotas, sendo que na grama são três o triunfos em quatro encontros.

Kyrgios demonstrou todo o poder de seu saque ao longo do primeiro set. Mesmo cedendo dois break-points, sempre se safou com poderosos serviços e não deu a menor chance de o adversário entrar no ponto nesses momentos críticos. Aí jogou um tiebreak impecável, abrindo 3-1 após longa troca de bolas em que foi sempre agressivo e depois tirou mais dois serviços de Federer com toque cruzado e passada na paralela.

Ao invés de se motivar, Kyrgios relaxou demais no segundo set. Perdeu o serviço pela primeira vez com duas duplas faltas consecutivas e do 4/2 em diante jogou de forma displicente, tentando dar slice até de forehand. Federer agradeceu e enfim não tivemos um tiebreak no duelo entre ambos.

A definição foi a mais um tiebreak e aí logo de cara Kyrgios fez mágica numa passada cruzada para ir a 2-0. Federer reagiu imediatamente com devolução ofensiva e virada para 4-3 com brilhante saque-voleio. Kyrgios então cometeu raro erro no fundo deixando forehand na rede mas, com 5-4, foi a vez do suíço falhar em bola fácil de meio de quadra. Por fim, Kyrgios voleou mal uma devolução no pé e Federer não vacilou, fechando após 1h51.

Só até domingo!Aproveite a promoção #FedererDeVolta na Loja TenisBrasil

Comentários
Loja - livros
Mundo Tênis