Notícias | Dia a dia
Federer: 'Terminei jogando o meu melhor tênis'
17/06/2018 às 18h25

Federer tem agora 98 títulos, 18 destes na grama

Foto: Divulgação

Stuttgart (Alemanha) - Campeão pela primeira vez no ATP 250 de Stuttgart, o suíço Roger Federer enfim espantou o azar que vinha tendo nos últimos anos no torneio, que desde 2015 é disputado na grama e desde 2016 conta com a presença do dono de 20 Grand Slam.

"Tive algumas dificuldades aqui nos últimos anos e acabei perdendo algumas partidas apertadas, mas desta vez não foi assim. Consegui encontrar meu caminho e estou muito contente", comentou o suíço, que neste domingo derrotou o canadense Milos Raonic na final por 2 sets a 0.

Em suas duas últimas aparições no evento alemão, Federer amargou quedas na semifinal, em 2016, parando no austríaco Dominic Thiem, que acabou levando a taça, e diante do experiente atleta da casa Tommy Haas, na temporada passada.

Afastado do circuito desde a eliminação em Miami, o tenista da Basileia aprovou seu desempenho durante a semana. "Estou muito feliz, acho que fiz uma grande final. Joguei bem o torneio todo, mesmo depois de ter ficado um tempo sem atuar no circuito. Foi um grande retorno", avaliou.

"Talvez tenha sido melhor nos pontos importantes e acho que terminei jogando o meu melhor tênis. Por fim, fico feliz de ter vencido pela primeira vez aqui em Stuttgart", finalizou Federer, que chegou ao 98º título da carreira e poderá alcançar as 100 conquistas em Wimbledon.

Na próxima semana, ele buscará o decacampeonato no ATP 500 de Halle, onde triunfou no ano passado e neste irá estrear contra o esloveno Aljaz Bedene, com quem cruzou apenas uma vez, vencendo o rival na primeira rodada do Australian Open de 2018.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis