Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Murray surpreende e desiste de jogar Wimbledon
01/07/2018 às 14h15

Murray acha prematuro jogar cinco sets

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - Menos de 24 horas depois de dar entrevista oficial e garantir participação, o bicampeão Andy Murray anunciou desistência de competir em Wimbledon. Através das mídias sociais, ele afirmou que "com um peso no coração, anunciou que estou desistindo de Wimbledon neste ano".

Vencedor em 2013 e 2016, Murray retornou às quadras há duas semanas, competindo no torneio de Queen's e em Eastbourne, onde chegou a vencer Stan Wawrinka na primeira rodada. Na véspera, afirmou que estava em condições de competir.

"Fiz muito progresso durante os treinamentos e os jogos que fiz nos últimos 10 dias, mas após uma longa reunião com meu time, acreditamos que jogar partidas de melhor de cinco sets seria algo prematuro neste processo de recuperação. Fizemos de tudo para estar pronto em tempo hábil", explicou o escocês, que passou por cirurgia no quadril em janeiro.

Ele garante que continuará se preparando. "Recomeço a treinar amanhã, desta vez nas quadras sintéticas, esperando estar totalmente pronto para a fase americanda de pisos duros". Depois de agradecer as mensagens dos fãs, ele garantiu que está feliz por enfim retornar ao circuito.

Em seu lugar, entrará o chinês Jason Jung, o sétimo perdedor no qualificatório a conseguir vaga antes mesmo de Wimbledon começar. Seu adversário será o francês Benoit Paire.

Comentários