Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Raonic destaca mudança de postura em vitória de 2 dias
08/07/2018 às 17h29

Raonic enfrentará o surpreendente McDonald nas oitavas

Foto: Divulgação

Londres (Inglaterra) - O canadense Milos Raonic afirmou que foi positiva a paralisação em seu jogo de terceira rodada, contra o austríaco Dennis Novak, que começou na sexta-feira, foi interrompido na reta final do terceiro set, com 1 a 1 no placar, e só foi finalizado no sábado.

“Estava com a cabeça meio negativa ontem e sabia que precisava voltar para a partida com uma abordagem diferente para assim tem uma chance maior de vencer. Consegui deixar a negatividade no passado e fui com outra cabeça”, avaliou o canadense.

Raonic destacou não apenas a parte mental, mas também os ajustes táticos para sair vitorioso. “Estava passivo demais e precisava mudar isso, passando a jogar de maneira mais agressiva. Também fui mais à rede e melhorei minha eficiência. A grama ajuda bastante no meu jogo, pois facilita quando saco aberto”, disse.

Nas oitavas de final, que acontecerão na próxima segunda-feira, Raonic medirá forças com o jovem norte-americano Mackenzie McDonald, que superou ainda na sexta-feira o canhoto argentino Guido Pella, o responsável pela eliminação do atual vice-campeão Marin Cilic.

“Eu o conheço, pois já treinamos juntos algumas vezes. Ele tem jogado bem neste ano e precisou vencer três partidas para chegar até aqui, por isso será perigoso. Seu estilo de jogo é focado mais na solidez, gosta de pegar cedo na bola. Terei minhas chances se seguir agressivo e ditando o ritmo, como fiz na última partida”, afirmou o canadense.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series