Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Serena confirma vaga nas quartas e volta ao top 100
09/07/2018 às 12h25

Serena precisou de apenas quatro torneios para voltar ao top 100

Foto: Divulgação

Londres (Inglaterra) - No encontro entre duas mães do circuito, Serena Williams confirmou o favoritismo diante de Evgeniya Rodina. Heptacampeã de Wimbledon e ex-número 1 do mundo, Serena assegurou seu lugar nas quartas de final do Grand Slam britânico após a vitória por duplo 6/2 sobre a rival de 29 anos e 120ª do ranking.

Serena e Rodina eram as únicas entre as seis mães na chave de Wimbledon que chegaram à segunda semana de competições. Enquanto a norte-americana disputa apenas seu quarto torneio desde o nascimento da filha Alexis Olympia, em setembro do ano passado, Rodina tem uma filha de cinco anos chamada Anna.

A vaga nas quartas de final rende 430 pontos no ranking a Serena e faz com que ela volte ao top 100. Ela entrou no torneio como 181ª colocada e já garantiu um salto até aproximadamente o 85º lugar. Se for semifinalista, a norte-americana receberá 780 pontos e cola no top 50. O vice-campeonato a levaria ao top 30 e um possível título ao grupo das vinte melhores do mundo.

Por conta de sua atípica na classificação da WTA, Serena acabou superando um improvável recorde. A veterana de 36 anos passa a ser a jogadora de ranking mais baixo a chegar às quartas de final em Wimbledon na Era Aberta. Até então, essa marca pertencia à croata Mirjana Lucic, que era a 134ª colocada em 1999.

Em sua 18ª participação em Wimbledon, Serena tenta ser semifinalista pela 11ª vez. Em cem jogos disputados na grama do All England Club, ela conquistou a nonagésima vitória. Sua adversária será a italiana Camila Giorgi, 52ª do ranknig, que garantiu seu melhor resultado da carreira em Grand Slam ao derrotar a canhota russa Ekaterina Makarova por 6/3 e 6/4. Designada como cabeça 25 pelos organizadores, Serena pode chegar à semifinal de Wimbledon sem enfrentar uma top 50.

A tranquila vitoria de Serena em 62 minutos foi construída a partir de uma quebra ainda no segundo game da partida. Firme em seus games de serviço e mais agressiva em quadra, a norte-americana só enfrentou um break point durante o set inicial, mas fechou a porta com ótimo saque. Rodina baixou um pouco a intensidade no game seguinte, também por conta de um incômodo na coxa esquerda e acabou fazendo duas duplas faltas para perder o set.

Na parcial seguinte, Serena também largou em vantagem para liderar por 3/0. Rodina chegou a devolver a quebra, mas sequer conseguiu buscar o empate. Com uma sequêncai de ótimas devoluções, a ex-número 1 se manteve em vantagem e voltaria a quebrar dois games mais tarde. Serena disparou dez aces na partida, liderou a contagem de winners por 30 a 5, além de cometer apenas 11 erros não-forçados contra 10 da adversária.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series