Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Serena e Kerber decidem um Slam pela 3ª vez
13/07/2018 às 16h05

Serena e Kerber reeditam a final de 2016. Elas também já decidiram em Melbourne

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - Pela terceira vez, Serena Williams e Angelique Kerber irão se enfrentar em uma final de Grand Slam. Ambas ex-líderes do ranking mundial, a norte-americana decidem o título de Wimbledon a partir das 10h (de Brasília) deste sábado.

Serena e Kerber já haviam decidido Wimbledon há dois anos, com vitória norte-americana em sets diretos. Aquele foi o único duelo entre elas na grama. Também em 2016, as duas protagonizaram a final do Australian Open, que foi vencida pela alemã em três sets.

Recordista de títulos de Grand Slam na Era Aberta com 23 conquistas, Serena busca o 24º trorféu. Caso vença a final contra Kerber, a norte-americana irá igualar os 24 troféus da australiana Margaret Court, recordista de títulos de Grand Slam em todos os tempos. Será a trigésima final de Slam na carreira de Serena, a décima em Wimbledon. Na carreira, a veterana de 36 anos já venceu 72 torneios e disputou 92 finais.

Kerber já tem títulos de Grand Slam na Austrália no US Open e busca sua primeira conquista em Wimbledon. A canhota alemã de 30 anos já venceu 11 títulos profissionais na carreira e disputará sua 28ª final no circuito.

Serena também pode se tornar a quarta mãe a vencer um Grand Slam na Era Aberta, igulando-se à própria Court, além de Evonne Goolagong e Kim Clijsters. O torneio londrino é apenas o quarto evento disputado pela norte-americana desde o nascimento da filha, Alexis Olympia, em setembro do ano passado.

Com sete títulos em Wimbledon, Serena está empatada com a Steffi Graf e Dorothea Lambert-Chambers no terceiro lugar da lista de maiores vencedoras do Grand Slam britânico. Caso conquiste o oitavo troféu, a norte-americana irá se igualar a Helen Wills-Moody e ficaria a um título do recorde do torneio, que pertence a Martina Navratilova.

Serena se tornou a mais velha campeã de Grand Slam da história, quando conquistou o Australian Open de 2017 aos 35 anos e 125 dias. Agora com 36 years e 291 dias, ela será a terceira finalista mais velha em um Grand Slam e pode superar seu próprio recorde entre as campeãs de mais idade.

Depois de iniciar o torneio no 181º lugar do ranking, Serena dará um salto para a 29ª posição. O título pode levá-la de volta ao top 20, chegando ao 18º posto. Por sua vez, Kerber está na décima posição e pode terminar o torneio no quarto lugar do ranking.

No retrospecto geral, Serena lidera o histórico por 6 a 2. Além da vitória em Melbourne, a canhota alemã venceu apenas no piso duro de Cincinnati em 2012.

Confira o histórico do confronto entre Serena e Kerber.

2016
Wimbledon - Grama - Final - Serena Williams, 7/5 6/3
Australian Open - Sintético - Final - Angelique Kerber, 6/4 3/6 6/4
2014
Stanford - Sintético - Final - Serena Williams, 7/6(1) 6/3
Miami - Sintético - Quartas - Serena Williams, 6/2 6/2
2013
WTA Finals - Sintético (coberto) - Fase de grupos - Serena Williams, 6/3 6/1
2012
WTA Finals - Sintético (coberto) - Fase de grupos - Serena Williams, 6/4 6/1
Cincinnati - Sintético - Quartas - Angelique Kerber, 6/4 6/4
2007
US Open - Sintético - 1ª rodada - Serena Williams, 6/3 7/5

Comentários