Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Djokovic quer o tetra, Anderson busca o 1º Slam
14/07/2018 às 19h23

Sérvio já derrotou Anderson duas vezes na grama de Wimbledon

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - Vencedores de duas longas semifinais em Wimbledon, Novak Djokovic e Kevin Anderson decidem o título do Grand Slam britânico a partir das 10h (de Brasília) deste domingo. Enquanto o sérvio luta pelo tetra na grama londrina, o sul-africano tenta uma conquista inédita.

Djokovic venceu cinco dos seis duelos que fez contra Anderson. A conta inclui dois duelos disputados na grama de Wimbledon, nos anos de 2011 e 2015. O sul-africano só levou a melhor no primeiro duelo entre eles, durante o Masters de Miami em 2008.

Tricampeão de Wimbledon e vencedor de doze títulos de Grand Slam, Djokovic disputará sua 22ª final em torneios deste porte. Empatado com o australiano Roy Emerson no quarto lugar da lista de maiores vencedores de Grand Slam na Era Aberta, o sérvio vai em busca de seu 13º troféu, que o colocaria a apenas um de se igualar a Pete Sampres.

O ex-número 1 do mundo também tenta deixar o rol dos tricampeões, em que está ao lado de John McEnroe e Boris Becker na Era Aberta e de outros cinco nomes da fase amadora do esporte, o sérvio pode igualar as quatro conquistas de Reggie Doherty, Rod Laver e Anthony Wilding.

Por sua vez, Anderson pode ser o primeiro sul-africano a conquistar o título de Wimbledon e o segundo homem de seu país a ser campeão de Grand Slam, já que Johan Kriek venceu o Australian Open em 1981 e repetiria a conquista no ano seguinte quando já defendia os Estados Unidos.

O experiente joagador de 32 anos também pode ser o segundo africano a conquistar um título de Wimbledon, já que o tcheco de nascimento Jaroslav Drobny representava o Egito quando venceu o Grand Slam britânico no ano de 1954.

Caso conquiste o maior troféu da carreira, Anderson irá se tornar o 150º campeão de Grand Slam da história do esporte. Ele também será o segundo jogador mais velho a vencer um Slam pela primeira vez, ficando atrás apenas do espanhol Andrés Gimeno, campeão de Roland Garros em 1972 aos 34 anos.

É certo que Anderson terá o melhor ranking da carreira. O número 8 do mundo debutará no top 5 e pode até se tornar o quarto colocado em caso de título. Já o ex-número 1 Djokovic iniciou o torneio como 21º do ranking e está ganhando dez posições, podendo voltar ao top 10 se for campeão pela quarta vez em Londres.

Confira o histórico de confrontos entre Djokovic e Anderson.

2015
Wimbledon - Grama - Oitavas de final - Novak Djokovic, 6/7(6) 6/7(6) 6/1 6/4 7/5

2012
Indian Wells - Sintético - Terceira rodada - Novak Djokovic, 6/2 6/3

2011
Wimbledon - Grama - Segunda rodada - Novak Djokovic, 6/3 6/4 6/2
Madri - Saibro - Segunda rodada - Novak Djokovic, 6/3 6/4
Miami - Sintético - Quartas de final - Novak Djokovic, 6/4 6/2

2008
Miami - Sintético - Segunda rodada - Kevin Anderson, 7/6(1) 3/6 6/4

Comentários