Notícias | Dia a dia | US Open
Sufoco em Nova York pode chegar a 40 graus
29/08/2018 às 11h14

Djokovic sofreu na terça

Foto: ATP

Nova York (EUA) - Cada dia mais quente neste verão, a cidade de Nova York deve ter nesta quarta-feira o dia mais sufocante durante as duas semanas prevista para a histórica edição de 50 anos do US Open.

A previsão da metereologia diz que a temperatura deve atingir os 34 graus no meio da tarde, com umidade relativa do ar acima dos 66%, o que irá provocar uma sensação térmica cerca de 5 a 6 graus maior.

Na terça-feira de intenso calor, os organizadores não suspederam partidas nem alteraram horários, mas autorizaram os jogos masculinos a uma interrupção de 10 minutos entre os eventuais terceiro e quarto sets para que os tenistas pudessem ir ao vestiário e se refrescar.

No feminino, essa norma já existe no regulamento oficial da WTA e permite o intervalo entre os segundo e terceiro sets.

Vários nomes de peso estão convocados para jogar nesta tarde em Nova York, como o escocês Andy Murray, o argentino Juan Martin del Potro e o suíço Stan Wawrinka, além da atual campeão Sloane Stephens e da veterana Venus Williams.

Mesmo à noite, a previsão é de esteja 30 graus quando Serena Williams entrar em quadra, às 19 horas locais. Na terça-feira, Roger Federer e Maria Sharapova atuaram na rodada noturna com sensação términa de 34 graus.

Vários abandonos foram registrados na terça-feira, principalmente na rodada masculina, devido à queda de resistência física diante do clima pesado.

Comentários