Notícias | Dia a dia | US Open
Pliskova espanta a zebra e vence jogo duro
01/09/2018 às 01h34

Tcheca jogou na quadra onde Halep, Muguruza e Wozniacki perderam

Foto: Divulgação

Nova York (EUA) - Escalada para atuar no Louis Armstrong Stadium, palco das eliminações de Simona Halep, Garbiñe Muguruza e Caroline Wozniacki, Karolina Pliskova teve melhor sorte que a atual número 1 do mundo e outras duas ex-líderes do ranking. A tcheca, oitava colocada, garantiu vaga nas oitavas de final do US Open ao derrotar a norte-americana de 19 anos e 65ª do ranking Sofia Kenin por 6/4 e 7/6 (7-2) em 1h55 de partida.

Com a campanha até as oitavas, Pliskova já defendeu 240 dos 430 pontos que tem a descontar em Nova York. Finalista do US Open em 2016, a tcheca de 26 anos parou ainda nas quartas de final na edição passada do Grand Slam norte-americano.

A adversária de Pliskova nas oitavas de final será a australiana Ashleigh Barty, 17ª do ranking, que garantiu sua melhor campanha em Grand Slam e acabou com o embalo da tcheca Karolina Muchova ao marcar 6/3 e 6/4 contra a 202ª colocada e algoz de Garbiñe Muguruza na rodada anterior. Pliskova e Barty já se enfrentaram três vezes, com duas vitórias da australiana.

Pliskova já declarou publicamente que tem dificuldades para enfrentar jogadoras muito sólidas do fundo de quadra, que se defendem bem e que a fazem se mexer muito. As características comuns a nomes como Simona Halep e Agnieszka Radwanska estavam presentes também no jogo de Kenin, que começou a partida em vantagem.

Depois de salvar dois break points em seu primeiro game de serviço, a jovem norte-americana conseguiu a quebra na sequência e chegou a liderar o set inicial por 4/2. Aos poucos, Pliskova passava a ter mais segurança no saque e também a mandar nos pontos, entrando na quadra com mais frequência. A tcheca venceu quatro games seguidos no fim do primeiro set e terminou a parcial com 12 winners contra 8 da rival.

Kenin também foi a primeira a quebrar no segundo set, mas desperdiçou chances de conseguir uma vantagem mais confortável. A norte-americana teve oito break points durante a parcial e aproveitou apenas um. Pliskova conseguiu buscar o empate no oitavo game e foi superior no tiebreak. A tcheca terminou o jogo com 11 aces e liderou a contagem de winners por 31 a 23.

Comentários