Notícias | Dia a dia | US Open
Djokovic diz ter feito sua melhor partida na semana
02/09/2018 às 11h11

Djokovic dominou a partida do começo ao fim contra Gasquet, mas mesmo assim enalteceu o desempenho do rival

Foto: Darren Carroll/USTA

Nova York (EUA) - Embora tenha passado sem sustos pelo francês Richard Gasquet, garantindo assim sua vaga nas oitavas de final do US Open, o sérvio Novak Djokovic não acredita que sua vitória no último sábado tenha sido tão fácil quanto o placar indicou. Ele afirmou que o rival deu muito trabalho e que precisou jogar muito bem para superá-lo em sets diretos, no que colocou como seu melhor desempenho até agora no torneio

“A partida não foi nada fácil, pois Gasquet é um tenista muito perigoso e com muita experiência. Estou muito feliz com o nível que mostrei, sem dúvida foi a minha melhor partida da semana até agora e até me atrevo a dizer que foi uma das melhores atuações que tive em toda a temporada de quadras duras depois de Wimbledon”, comentou o sérvio.

“O placar foi bastante enganoso, não acho que Richard tenha jogado mal. Sempre esteve lá, marcando sua presença e senti que ele precisava de apenas alguns pontos para poder entrar de novo na partida. Tive a sorte de me salvar em algumas situações complicadas no terceiro set e se ele aproveitasse não sei como acabaria o jogo”, acrescentou Djokovic.

Seu próximo oponente em Flushing Meadows será o português João Sousa, de 29 anos e atual 68 do mundo, que derrubou outro francês, o cabeça de chave 17 Lucas Pouille, com uma apertada vitória por 3 sets a 1, com três tiebreaks. Será a quinta vez que ele cruza o caminho de Djokovic, que levou a melhor em todos os embates anteriores.

“Ele conquistou uma ótima vitória sobre um tenista top 15 como é Pouille, além do mais, outro dia ele derrotou (Pablo) Carreño e isso mostra que é um cara muito competitivo. Sousa é um lutador, que briga por todas as bolas e te dá muito trabalho a cada ponto”, analisou o tenista de Belgrado.

Comentários