Notícias | Dia a dia | US Open
Ainda buscando o 1º Slam, Barty faz a 5ª final de duplas
07/09/2018 às 00h26

Barty (de vermelho) perdeu suas quatro primeiras finais de Slam nas duplas

Foto: Divulgação

Nova York (EUA) - Ainda perseguindo o primeiro título de Grand Slam em sua carreira profissional, Ashleigh Barty terá sua quinta oportunidade de disputar uma final deste porte nas duplas. Jogando ao lado da norte-americana Coco Vandeweghe, a australiana garantiu vaga em sua quinta decisão após a vitória por 6/4 e 7/6 (8-6) sobre as tchecas Barbora Krejcikova e Katerina Siniakova.

Nascida em abril de 1996, Barty disputou sua primeira final de Grand Slam com apenas 16 anos no Australian Open de 2013. Na mesma temporada, a australiana também ficou com o vice na grama de Wimbledon e também no US Open. Já no ano passado, perdeu também uma final no saibro de Roland Garros. Todos os vice-campeonatos foram ao lado da compatriota Casey Dellacqua, que já se aposentou do circuito.

Com apenas 22 anos, Barty está bem colocada nos dois rankings. Ela número 17 do mundo em simples, com dois títulos e cinco finais de WTA na carreira. Nas duplas, a jovem australiana já venceu sete torneios e ocupa a 15ª posição.

Parceira de Barty, Vandeweghe alcança sua primeira final de Grand Slam. A norte-americana de 26 anos já foi top 10 em simples e ocupa atualmente o 25º lugar no ranking da WTA. Em duplas, aparece atualmente na 52ª posição. Barty e Vandeweghe já foram campeãs juntas em Miami, este ano.

A vitória diante de Krejcikova e Siniakova, principais cabeças de chave, impediu que a parceria tcheca alcançasse a terceira final de Grand Slam consecutiva. As duas jovens de 22 anos foram campeãs de Roland Garros e Wimbledon, quando repetiram a façanha obtida pela a belga Kim Clijsters e a japonesa Ai Sugiyama em 2003.

As adversárias de Barty e Vandeweghe na decisão serão a húngara Timea Babos e a francesa Kristina Mladenovic, que venceram a semifinal contra a australiana Samantha Stosur e a chinesa Shuai Zhang por 6/4 e 7/6 (7-4). Babos e Mladenovic estão com 25 anos e foram campeãs do Australian Open em janeiro. A húngara é a atual número 1 do mundo, enquanto a francesa é oitava colocada e tem um título de Roland Garros em 2015.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series