Notícias | Dia a dia
Brasileiros perdem as três quartas na Espanha
08/09/2018 às 14h05
Publicidade
Publicidade

Oviedo (Espanha) - O tênis brasileiro colocou três nomes nas quartas de final do future de US$ 25 mil que acontece sobre o saibro espanhol, mas nenhum deles conseguiu avançar neste sábado na competição. O gaúcho Orlando Luz e os paulistas João Pedro Sorgi e Felipe Meligeni Alves foram eliminados.

Quarto favorito na semana, Orlandindo chegou a ganhar o segundo set mas acabou superado pelo local Miguel Semmler com parciais de 6/2, 6/7 (8-10) e 6/2 . O gaúcho de 20 anos e 410º do ranking já venceu dois futures no ano e alcançou a melhor marca da carreira no início de agosto, quando ocupou o 401º lugar.

Destaque na sexta-feira quando eliminou o principal inscrito do torneio, Felipe não repetiu a boa atuação e foi superado pelo belga e cabeça 6 Germain Gigounon, ex-top 200 do ranking, por 6/0 e 6/4. O sobrinho de Meligeni está com 20 anos e é 645º colocado.

Por fim, Sorgi caiu diante do também belga Omar Salman por duplo 6/4. Aos 24 anos e hoje ocupando apenas o 644º posto do ranking, ele vinha de vitória sobre o cabeça 3 Jordi Samper. O paulista já foi o 251º lugar do ranking em setembro do ano passado.

Para compensar, a final de duplas será toda brasileira. Sorgi e Diego Matos venceram os espanhóis Albert Colas e Jaume Pla, por 6/1 e 6/2, e Orlandinho e Felipe ganharam dos belgas Germain Gigounon e Omar Salman, 7/6 (10-8) e 6/3.

No future de US$ 15 mil disputado em Rosário, na Argentina, o gaúcho Rafael Matos ficou com o vice. O canhoto de 22 anos e o local Maximiliano Estevez perderam para os argentinos Franco Agamenone e Matias Zukas, por 6/3 e 7/6 (7-5).

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis