Notícias | Dia a dia | US Open
Presidente da USTA defende atitude de Serena
09/09/2018 às 11h45

"O que Serena fez hoje no pódio mostrou toda sua classe e espírito esportivo", disse Katrina Adams

Foto: Divulgação

Nova York (EUA) - Presidente da USTA (Federação Norte-americana de Tênis), Katrina Adams saiu em defesa da compatriota Serena Williams depois da final de sábado do US Open, em que a ex-número 1 do mundo foi derrotada pela japonesa Naomi Osaka, mas que acabou tendo como destaque o bate-boca entre a tenista da casa e o juiz português Carlos Ramos.

Adams destacou a capacidade de Serena de superar todo o ocorrido e se comportar bem na entrega das taças. "O que Serena fez hoje no pódio mostrou toda sua classe e espírito esportivo. Aquele era o momento de Naomi e Serena foi capaz de aproveitá-lo. Foi uma atitude de classe de uma verdadeira campeã. O que Serena fez neste ano de retorno foi verdadeiramente incrível”, falou.

“Ela continua a inspirar porque continua se esforçando ao máximo. Ela possui quase todos os recordes e mesmo assim não se deita sobre subas glórias, trabalha para evoluir e abraça novos desafios”, acrescentou a mandatária do tênis norte-americano através de comunicado divulgado pela USTA.

A presidente de federação norte-americana não fez comentários sobre o ocorrido durante a final e apenas pontuou o comportamento de Serena na premiação. “Sei que ela estava frustrada pelo que aconteceu na partida, mas a maneira como se comportou depois da final, dando todo o crédito para Naomi por tudo que jogou, mostrou bem quem ela é”, finalizou Adams.

Comentários