Notícias | Dia a dia | US Open
Sob elogios, Osaka vai ao Rockfeller Center
09/09/2018 às 23h58

Nova York (EUA) – O dia chuvoso em Nova York obrigou a organização do Aberto dos Estados Unidos a fazer com que o encontro de Naomi Osaka com a imprensa, neste domingo, fosse em ambiente fechado, ao invés do topo do observatório do Rockefeller Center.

Os jornalistas aguardaram pela campeã no local, protegidos com uma capa fornecida pela organização, mas o encontro acabou transferido do 70º andar para um local alguns andares abaixo, mas ainda assim com uma vista espetacular da cidade.

Na noite de sábado, a japonesa de 20 anos conquistou seu primeiro título de Grand Slam ao derrotar Serena Williams por 6/2 e 6/4. Pelo Twitter, a nova campeã do US Open escreveu: "Tem muita coisa agora acontecendo, mas eu apenas quero dizer que estou agradecida por ter tido a oportunidade de jogar naquele palco, ontem. Obrigada." Nesta segunda-feira, Osaka vai aparecer em 7º lugar no ranking mundial da WTA.

O primeiro-ministro japonês Shinzo Abe e os compatriotas Kei Nishikori e Misaki Doi parabenizaram Naomi pela conquista histórica para o Japão. Billie Jean King encabeça uma lista de tenistas que se manifestaram nas redes sociais. “Parabéns por ganhar o US Open, Naomi Osaka. Esta vitória é só o começo de um futuro brilhante. O tênis é um lugar excitante neste momento, com jogadoras como você.” Victoria Azarenka escreveu: “Osaka jogou de forma incrível e merece tudo. Sem dúvida! Parabéns.”  Flavia Penetta disse: “Sorria, criança. Parabéns. Você merece o meu respeito.” Denis Shapovalov também se manifestou: “O primeiro de muitos. Muito merecido.” Até Patrick Mouratoglou, técnico de Serena e estopim das cenas protagonizadas por Serena, elogiou: “Parabéns Naomi Osaka por um fantástico torneio.”

Comentários