Notícias | Dia a dia
Nishikori é o único favorito nas semifinais de Metz
21/09/2018 às 16h01

Nishikori não vence um título desde 2016

Foto: Divulgação

Metz (França) - Dos oito cabeças de chave no ATP 250 de Metz, apenas o japonês Kei Nishikori conseguiu seguir adiante e chegar até as semifinais. Principal favorito no torneio, ele se garantiu entre os quatro melhores ao derrubar, nessa sexta-feira, o georgiano Nikoloz Basilashvili por 2 sets a 1, com parciais de 6/3, 4/6 e 6/4.

Seu adversário na penúltima rodada do torneio francês ainda não foi definido e sairá do último jogo do dia, envolvendo os alemães Matthias Bachinger e Yannick Maden. O atual 12 do mundo venceu os dois confrontos que teve com Bachinger e nunca mediu forças com Maden no circuito.

Dono de 11 títulos, o nipônico tenta encerrar um incômodo jejum que dura mais de dois anos, sendo sua última conquista a do ATP 250 de Memphis, em fevereiro de 2016. Desde então ele chegou em sete finais, a última delas no Masters 1000 de Monte Carlo, neste ano, mas acabou derrotado em todas.

No outro lado da chave a torcida da casa tem seu último representante vivo na chave. O francês Gilles Simon derrotou, nesta sexta, o compatriota Richard Gasquet, quarto mais bem cotado ao título, com o placar final de 7/6 (7-4) e 6/2, e se garantiu nas semifinais.

Simon buscará sua terceira final da temporada, tendo vencido em Pune e ficado com o vice em Lyon, contra o moldávio Radu Albot, que acabou com a festa do lituano Ricardas Berankis, algoz do grego Stefanos Tsitispas, cabeça de chave 2, batendo o rival com 7/6 (7-4) e 6/2. O francês levou a melhor na única vez que encarou Albot até então, no US Open de 2014.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis