Notícias | Dia a dia
Osaka: 'Sei que não joguei bem, mas consegui vencer'
21/09/2018 às 18h03

Osaka enfrentará a italiana Giorgi na semifinal em Tóquio

Foto: Divulgação

Tóquio (Japão) - Semifinalista no WTA Premier de Tóquio, Naomi Osaka saiu de quadra nesta sexta-feira ciente de que não havia apresentado seu melhor tênis. Até por isso, a jovem japonesa de 20 anos comemorou o fato de ter feito ajustes em seu jogo que foram decisivos na vitória sobre a tcheca Barbora Strycova.

"Acho que é quase impossível jogar de forma perfeita em todas as partidas", disse Osaka, após a vitória por 6/3 e 6/4 nesta sexta-feira. "Eu sabia que não estava jogando tão bem hoje, mas fiz alguns ajustes no meu jogo e encontrei uma maneira de vencer".

A atleta da casa terminou a partida com 26 winners e outros 26 erros não-forçados. Embora tenha colocado apenas 51% de primeiros saques em quadra, a japonesa enfrentou apenas três break points e teve o serviço quebrado apenas uma vez. Osaka ainda liderou nos winners por 6 a 2 e venceu 80% dos pontos com seu primeiro serviço.

"Nunca sei por que certas coisas não funcionam, mas sinto que é meu trabalho garantir que eu esteja fazendo o melhor que posso nessas situações", complementa campeã do US Open, que vem de nove vitórias seguidas no circuito.

Osaka enfrenta na semifinal a italiana Camila Giorgi, algoz de Caroline Wozniacki nas oitavas e que vencia o jogo contra Victoria Azarenka nas quartas antes de a bielorrussa abandonar por conta de um mal estar gastro-intestinal.

"Eu nunca joguei contra ela antes, mas eu vi seus jogos, e sei que ela é uma jogadora muito difícil de enfrentar. Ela eliminou grandes jogadoras, então sei que o jogo será difícil, mas estou ansiosa por isso", complementa a número 7 do mundo.

Osaka enfrenta Giorgi, 37ª do ranking, não antes de 1h (de Brasília) deste sábado. A rodada começa à meia-noite, com o duelo entre a tcheca Karolina, número 8 do mundo, e a 45ª colocada croata Donna Vekic.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis