Notícias | Dia a dia
Fognini e Chung encabeçam a chave de Chengdu
23/09/2018 às 08h59

Fognini tem boa chance de ir longe no piso sintético chinês

Foto: Arquivo

Chengdu (China) - A curta perna asiática do tênis masculino tem duas etapas na China na próxima semana e o forte ATP de Chengdu, com premiação de quase US$ 1,2 milhão, atraiu apenas um top 20, o italiano Fabio Fognini, atual 13º colocado. O sul-africano Kevin Anderson estava inscrito, mas desistiu em função da Laver Cup.

Ele aguardará quem passar do duelo entre Mischa Zverev e um qualificado, podendo cruzar nas quartas com Matthew Ebden e, em eventual semi, Nikoloz Basilashvili ou Tennys Sandgren.

O outro top 30 inscrito é o coreano Heyon Chung, que aguarda o vencedor entre convidados chineses antes de possivelmente encarar Gael Monfils. O setor tem ainda Adrian Mannarino e João Sousa.

Soltos na chave por estarem em situação inferior no ranking, aparecem nomes conhecidos como Sam Querrey, Taylor Fritz e Marcos Baghdatis, finalista do ano passado. O atual campeão Denis Istomin não se inscreveu.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis