Notícias | Copa Davis
'Nova Davis' quer trazer os tops de volta ao torneio
25/09/2018 às 15h19

Madri (Espanha) - Um dos motivos alegados pela ITF para fazer as mudanças na Copa Davis é que o novo formato irá atrair mais os principais nomes do esporte, que ultimamente têm comparecido pouco na principal competição entre nações do tênis mundial. Em entrevista ao Punto de Break, o diretor executivo do Grupo Kosmos, Edmund Chu, acredita que esses jogadores poderão voltar.

“Os tenistas podem escolher participar ou não, mas desejamos criar um torneio que todos desejem fazer parte. Há alguns tops que não jogam a Davis e queremos que isso mude”, declarou Chu, sem especificar exatamente o que irá motivar o retorno dos principais nomes à Davis.

Para o diretor executivo do Kosmos, o novo formato ajudará a trazer mais investimento e público para a competição. “Vemos a Davis atual com um formato que sofre para conseguir investimentos e patrocinadores e acho que não era positivo uma competição de mais de 100 anos ter tão poucas mudanças”, analisou.

“As partidas em casa eram importantes para muitas federações, mas elas continuarão a existir na classificação para a final neste novo formato. Agora todo mundo sabe que a decisão será em novembro, onde será e que países competirão. Acho que um dos problemas era essa dúvida”, complementou Chu, que cravou a Europa como sede das duas próximas edições da fase final.

“Posso dizer que a primeira edição será na Europa, que receberá a competição tanto em 2019 como em 2020. Devemos anunciar as cidades dentro de alguns dias. Muitos países que vão jogar são europeus e por isso queremos que comece neste continente antes de ir para a Ásia e a América do Norte”, finalizou o dirigente.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series