Notícias | Dia a dia
Lesão e derrota não abalam a confiança de Halep
26/09/2018 às 14h37

Halep jogou em Wuhan com lesão nas costas e perdeu na estreia

Foto: Divulgação

Wuhan (China) - Eliminada ainda na estreia do WTA Premier de Wuhan, Simona Halep não deixou a derrota sofrida para Dominika Cibulkova na última terça-feira e a lesão nas costas que teve ainda durante os treinos no último domingo comprometerem sua confiança para os últimos torneios da temporada.

"Se eu vim até aqui, quero dar tudo, até a última esperança. E ainda assim, o segundo set foi equilibrado", disse Halep após a derrota por 6/0 e 7/5. "Este jogo dá confiança de que meu nível de tênis é muito bom, então não estou desapontada. Só estou triste que essa lesão tenha acontecido do nada".

"Eu não queria desistir. Forcei um pouco porque acho que esse jogo, mesmo se eu perdê-lo, é importante porque eu joguei alguns pontos e há um grande torneio pela frente", afirmou a romena, que agora segue para o Premier de Pequim, onde foi semifinalista na temporada passada.

Já classificada para o WTA Finals, Halep aceitou convite para Premier de Moscou, que acontece na semana anterior à do torneio que reúne as oito melhores da temporada. "Eu quero mudar algo antes de Cingapura", explicou. "Nos últimos três anos, perdi na fase de grupos grupos. Tenho em mente que mais algumas partidas podem me ajudar, e se estiver tudo bem com minhas costas, vou jogar".

A líder do ranking mundial minimizou a busca por terminar a temporada na primeira colocação. Ela tem 2.555 pontos de vantagem para Caroline Wozniacki no ranking de 52 semanas e 1.760 à frente de Angelique Kerber considerando apenas os pontos conquistados em 2018. "Se eu terminar o ano como número 1, aconteceu. Mas eu não jogaria apenas por isso. Eu só quero mudar alguma coisa".

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis