Notícias | Dia a dia
'Djokovic sofreu com estresse', diz preparador físico
28/09/2018 às 14h30

Djokovic é o segundo melhor da temporada

Foto: Arquivo

Belgrado (Sérvia) - Um dos responsáveis pela volta por cima do sérvio Novak Djokovic, o preparador físico Gebhard Gritsch retornou ao time do ex-número 1 do mundo junto com o técnico Marjan Vajda, ajudando o tenista de Belgrado e retomar seu caminho vitorioso, vencendo os dois últimos Grand Slam de 2018.

Em entrevista ao TennisNet, ele falou sobre o momento de baixa de ‘Nole’ e garantiu que o excesso de pressão mental fez mais estrado do que a lesão no cotovelo. “Houve as duas coisas, mas acredito que a parte mental desempenhou um papel mais importante do que a lesão. Foi o resultado de um estresse mental extremo de muitos anos”, opinou Gritsch.

“Novak tem claro em sua cabeça o que quer e encontrou novamente o amor e a motivação para o tênis competitivo”, falou o preparador físico sobre a recuperação de ‘Nole’ nesta temporada, em que levantou as taças de Wimbledon e do US Open e se colocou na briga pelo número 1 neste final de ano.

"Depois de Roland Garros, Novak tentou voltar a ganhar o mais rápido possível com sua mentalidade vencedora e acreditou que mudar a equipe seria um importante passo à frente. Mas depois Djokovic entendeu que era o movimento errado e por isso que ele está de volta ao seu antigo time”, complementou Gritsch.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis