Notícias | Outros
Agora treinador, Augusto Laranja leva Bahia Cup
30/09/2018 às 20h36

Augusto Laranja (esq.), agora treinador

Foto: Thiago Parmalat/Divulgação

Salvador (BA) - O riopretense Augusto Laranja faturou neste domingo a primeira edição do Bahia Cup, evento dedicado ao alto rendimento com premiação total de R$ 10 mil e realizado nas quadras do Clube Bahiano.

Na decisão, o tenista de 26 anos superou o amazonense Guilherme Diniz, de 18 anos, por 6/4 e 6/0, e levou para casa R$ 3.500. Augusto tem pontos no ranking da ATP, mas desde o começo do ano optou por virar treinador pela falta de verba para poder viajar e disputar o circuito mundial.

O atleta foi em janeiro trabalhar com o ex-top 100 Thiago Alves e Edvaldo Oliveira em sua terra natal e chegu mais cedo em Salvador para jogar o Bahia Cup e acompanhar seus pupilos, entre eles o baiano Natan Rodrigues que há poucos meses se mudou de Salvador para a cidade do interior paulista.

"Desde janeiro, comecei a trabalhar como treinador. Quando tomei a decisão de parar de jogar no circuito mundial foi porque tínhamos poucos torneios, não estava conseguindo mais conciliar para ter um calendário da maneira que queria. Thiago e Edvaldo estavam precisando de um treinador e eu era o perfil que eles estavam buscando. Estou no meu último ano do curso de Educação Física, então veio a oportunidade", disse Laranja.

Como treinador, ele olha mais pelos meninos a partir de 15, 16 anos que estão na transição do circuito profissional, que é o caso de Natan Rodrigues, hoje 61º do ranking juvenil, com apenas 16 anos. "Natan tem grande potencial, é trabalhador, sempre disposto a ouvir. Ele é um dos cinco melhores do mundo na idade dele. Tem muita facilidade, joga perto da linha, encurtando o tempo do adversário. Precisa mais de peso e transferência, ganhar pontos mais facilmente".

Natan jogará a 34ª edição do Bahia Juniors Cup, torneio que tem a presença de 307 atletas de 15 países, um aumento de 50% em relação a 2017.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis