Notícias | Dia a dia
Monteiro, Bellucci e Wild jogam, Clezar leva virada
02/10/2018 às 23h41

Monteiro é o cabeça 4 em Campinas

Foto: João Pires

Campinas (SP) - Thiago Monteiro, Thomaz Bellucci e Thiago Wild são os primeiros brasileiros na luta por vaga nas quartas de final do challenger de Campinas. Os três estarão em quadra a partir das 16 horas. A entrada na Sociedade Hípica é gratuita.

Único brasileiro que entrou como cabeça de chave, Monteiro enfrenta Andrea Collarini, às 16h, tendo vencido os três confrontos que disputou com o argentino. Na sequência, por volta de 18h30, o campeão do US Open Wild enfrenta pela primeira vez o italiano Fabrizio Ornago, 373º do ranking.

Para fechar a programação, Thomaz Bellucci, que amarga má fase e o 262º posto do ranking, entra como favorito diante do jovem chileno Marcelo Tomas Barrios, também em um confronto inédito.

Quadra principal - 12h
Tomas Lipovsek Puches/Juan Ignácio Londero (ARG) vs. Hugo Dellien (BOL)/Guilhermo Duran (ARG)
Não antes das 13h30
[Q]Camilo Carabelli (ARG) vs. [6]Facundo Bagnis (ARG)
Não antes das 16h
Andrea Collarini (ARG) vs. [4]Thiago Monteiro (BRA)
Não antes das 18h30
[C]Thiago Wild (BRA) vs. Fabrizio Ornago (ITA)
Thomaz Bellucci (BRA) vs. Marcelo Tomas Barrios (CHI)

Quadra 1 - 14h
Guilherme Clezar (BRA)/ Alejandro Gonzalez (COL) vs. [3]Rafael Matos/Fabricio Neis (BRA)
Franco Agamenone (ARG)/Fernando Romboli (BRA) vs. Federico Coria (ARG)/Christian Garin (CHI)

Clezar perde match-point
O gaúcho Guilherme Clezar deixou escapar sua vaga nas oitavas de final. O agora número 207 do ranking sacou para eliminar o chileno e cabela 8 Christian Garin no final do segundo set, teve match-point mas falhou e caiu com parciais de 6/7 (5-7), 7/6 (7-1) e 6/4.

Em sua partida desta noite em Campinas, Clezar perdeu o saque logo no game inicial e viu o chileno sacar para o set no nono game, quando tinha 5/4. Clezar salvou um set-point e levou ao tiebreak, onde também se viu quase o tempo todo atrás até tirar dois serviços quando Garin tinha 5-4. O segundo set se manteve equilibrado até o brasileiro obter a quebra no sétimo game. Com 5/4, não conseguiu fechar e aí foi dominado no desempate. Sofreu depois quebra no quinto game do terceiro set e não se recuperou.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis