Notícias | Dia a dia
Georgiano bate gripado Del Potro e vai ao top 30
07/10/2018 às 10h44

Basilashvili tirou Edmund e Del Potro para levar o título

Foto: ATP

Pequim (China) - Com um tênis sólido e agressivo de fundo de quadra, o georgiano Nikoloz Basilashvili dominou um gripado Juan Martin del Potro e conquistou o segundo título da carreira, ao levantar o ATP 500 de Pequim com as parciais de 6/4 e 6/4.

Aos 26 anos e então número 34 do mundo, Basilashvili aparecerá nesta segunda-feira num inédito 23º posto. Seu título anterior veio no saibro de Hamburgo há três meses. O georgiano embolsou US$ 733 mil numa campanha em que perdeu apenas um set, na estreia frente a Jack Sock.

Na final deste domingo, Basilashvili tomou sempre a iniciativa e com isso somou muito mais winners (30 a 15) e erros (36 a 16). Mas a postura ofensiva se mostrou correta, já que Del Potro não mostrava consistência na base nem agilidade para chegar nas bolas mais longas.

Ainda assim, Delpo perdeu chance valiosa de recuperar a quebra no primeiro set, deixando escapar dois break-points que lhe dariam 3/3. Na segunda série, desperdiçou mais duas oportunidades no oitavo game e aí perdeu o serviço rapidamente, o que deu 5/4 ao adversário. Delpo ainda salvou dois match-points e achou mais dois break-points antes de enfim se entregar.

Delpo perdeu grande chance de diminuir a distância para o Big 3 e chegará a Xangai 315 pontos atrás de Novak Djokovic, tendo ainda de repetir a semi do ano passado. O argentino no entanto garantiu durante Pequim a vaga no Finals de Londres, onde não competia desde 2013.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis